Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians
Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians

Corinthians vende 36 mil ingressos para jogo de sábado contra o Ceará

Diretoria espera ter estádio lotado para partida, que será disputada às 11 horas da manhã

Gonçalo Junior, Estadão Conteúdo

05 de setembro de 2019 | 15h30

O Corinthians terá estádio cheio para sua primeira partida no horário das 11 horas neste Campeonato Brasileiro. O clube divulgou nesta quinta-feira uma parcial de ingressos que aponta a venda de 36 mil entradas para a partida diante do Ceará, neste sábado, na Arena Corinthians, em São Paulo, pela 18.ª rodada. A venda ainda continua pela internet nos sites www.fiel.torcedor.com.br (sócios) e www.ingressos.corinthians.com (não sócios).

A presença de público tem sido um dos trunfos do clube em sua ascensão no torneio. Atualmente, o Corinthians tem a segunda melhor média, com mais de 36 mil pessoas por jogo. O Flamengo lidera as estatísticas, com 49 mil pessoas por partida. Pelas vendas realizadas até agora, o novo horário não vai modificar a alta média de público.

A equipe do técnico Fábio Carille ainda não está escalada para esta partida. Embora o lateral-direito Michel Macedo esteja confirmado para o lugar de Fagner, convocado para a seleção brasileira principal, o treinador ainda não definiu o substituto de Pedrinho, que está com a seleção olímpica.

No treinamento desta quinta-feira, o treinador separou oito jogadores de defesa e armou a linha titular com Michel Macedo, Manoel, Gil e Danilo Avelar e a reserva com Ramiro, Bruno Méndez, João Victor e Carlos Augusto.

Fábio Carille não esboçou o restante do time em nenhum treino aberto da semana. A solução mais simples é escalar Jadson no meio de campo e outra saída é improvisar Vagner Love, fazendo com que jogue mais recuado, quase como um meia. Nesta opção, Gustavo poderia ser a referência na área. Nesta sexta-feira, véspera da partida, o técnico fará um treino reservado no CT Joaquim Grava, em São Paulo, sem a presença dos jornalistas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.