Rodrigo Coca/ Ag. Corinthians
Rodrigo Coca/ Ag. Corinthians

Corinthians visita o Atlético-GO com dura missão de vencer por três gols de diferença

Depois de perder o jogo de ida em casa por 2 a 0, time de Sylvinho precisa reverter vantagem para avançar na Copa do Brasil

João Prata, O Estado de S.Paulo

09 de junho de 2021 | 05h00

O Corinthians tem uma dura missão para seguir vivo na Copa do Brasil. Depois de perder o jogo de ida por 2 a 0, o time de Sylvinho precisará vencer o Atlético-GO por pelo menos três gols de diferença nesta quarta-feira, às 21h30, em Goiânia, para avançar às oitavas de final do torneio. Se devolver o placar da partida de ida, a classificação será definida nos pênaltis.

Não bastasse ter de fazer o ataque funcionar, o treinador precisará conquistar a primeira vitória sobre o adversário que tem sido sua pedra no sapato. Sylvinho perdeu os dois primeiros no comando do Corinthians para a equipe goianiense. O outro tropeço foi na estreia do Brasileirão.

 

O técnico conseguiu a primeira vitória no último domingo, num sofrido 1 a 0 sobre o América Mineiro. A equipe demonstrou evolução defensiva em relação aos jogos anteriores, mas criou muito pouco.

O volante Gabriel, titular no último jogo, pediu calma aos companheiros para buscar o resultado. “Acredito que temos que ter equilíbrio. Não só se defender, mas também atacar, criar chances, dominar a partida. Vamos ter que defender com todos, atacar com inteligência. A estratégia ainda não está totalmente definida. Temos que sair de São Paulo com a mente focada com a estratégia. Em poucos dias, a palavra equilíbrio vai ser usada pelo Sylvio.”

A tendência é que Sylvinho forme o mesmo trio de meio-campo do duelo anterior, com Gabriel e Roni mais recuados e Cantillo à frente. “É uma posição com bastante opção. Vai pela estratégia de jogo, o momento individual de cada um. A comissão (técnica) tem um excelente feeling para escolher a melhor dupla, trio, quem vai jogar ali. Temos bastante jogador de qualidade, com condições de jogar e fazer o melhor. Espero que possamos fazer um grande jogo e sair classificados”, disse Gabriel.

Para o confronto decisivo, o treinador terá uma importante baixa. Expulso no jogo de ida, o lateral-direito Fagner terá de cumprir suspensão. Os zagueiros Bruno Méndez e João Victor disputam a posição e um deles deve atuar improvisado.

Outra dúvida está no lado esquerdo do ataque. Sylvinho já testou Angelo Araos e Mateus Vital. O chileno voltou a ganhar chances na equipe com o novo treinador. Nos últimos meses de Vagner Mancini, o meio-campista não vinha entrando nem no decorrer das partidas.

FICHA TÉCNICA:

ATLÉTICO-GO X CORINTHIANS

ATLÉTICO-GO: Fernando Miguel; Dudu, Nathan, Éder e Igor Cariús; Willian Maranhão, Marlon Freitas e João Paulo; Arthur Gomes, Zé Roberto e Natanael. Técnico: Eduardo Barroca.

CORINTHIANS: Cássio; João Victor (Bruno Méndez), Gil, Raul e Fábio Santos (Lucas Piton); Gabriel, Roni , Cantillo, Mateus Vital (Araos) e Luan; Gustavo Mosquito. Técnico: Sylvinho.

ÁRBITRO: Caio Max Augusto Vieira.

HORÁRIO: 21h30.

LOCAL: Estádio Antônio Accioly, em Goiânia.

NA TV: Globo, SporTV e Premiere.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.