Werther Santana/Estadão
Werther Santana/Estadão

Corinthians visita o Vitória para espantar fantasma do rebaixamento

Time alvinegro vem de quatro derrotas consecutivas e um novo tropeço igualará marca negativa de 2007, ano da queda para a Série B

João Prata, O Estado de S.Paulo

21 Outubro 2018 | 06h00

O Corinthians visita o Vitória hoje, às 16h, no estádio do Barradão, com o objetivo de fugir da zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro e também na tentativa de evitar repetir uma marca negativa que não acontece desde o ano da queda para a Série B em 2007. 

A equipe de Jair Ventura vem de quatro derrotas seguidas. Se tropeçar agora em Salvador igualará a sequência de 11 anos atrás, quando perdeu cinco partidas  - três  no Brasileirão - Paraná (1 a 0), Palmeiras (1 a 0) e Sport (2 a 1) e ainda foi eliminado da Copa Sul-Americana após duas derrotas para o Botafogo (2 a 1 e 1 a 0).

A série ruim contribuiu para a queda inédita na competição nacional e também serviu de alerta. Passou mais de uma década sem que o elenco alvinegro tivesse que enfrentar um momento tão turbulento. 

Agora, a vitória é fundamental para o Corinthians se reerguer após o vice da Copa do Brasil e também para evitar sofrimento na reta final do Brasileirão. O problema é que Jair Ventura não tem conseguido fazer o time atacar. O principal responsável pelos tropeços é a ineficiência do setor ofensivo.

Jair completou dez jogos à frente do Corinthians na última quarta-feira. Sob seu comando a equipe balançou a rede do adversário apenas seis vezes, média de 0,6 por jogo. Em compensação, sofreu 11 gols nesse período.  Capitão do time, o goleiro Cássio pediu para os companheiros esquecerem o que já aconteceu. “Vamos dar um passo por vez. Viemos de uma perda de um título e ganhar é importantíssimo. Jogar lá (em Salvador) é sempre complicado, mas temos que ganhar.”

Para a partida, o Corinthians não terá o volante Gabriel, suspenso. Douglas será o substituto. O lateral Danilo Avelar, por causa de uma pancada no pé esquerdo, também ficará fora. Carlos Augusto entrará em seu lugar. Na frente, o quarteto ofensivo deverá contar com Jadson, Pedrinho, Roger e Romero.

FICHA TÉCNICA:

VITÓRIA X CORINTHIANS

VITÓRIA - Ronaldo; Jeferson, Lucas Ribeiro, Aderllan e Fabiano; Arouca, Willian Farias e Rhayner; Lucas Fernandes, Erick e Walter Bou. Técnico: Paulo César Carpegiani.

CORINTHIANS - Cássio; Fagner, Léo Santos, Henrique e Carlos Augusto; Ralf, Douglas e Jadson; Pedrinho, Roger e Romero. Técnico: Jair Ventura. 

ÁRBITRO - Rafael Traci (PR). 

HORÁRIO - 16h 

NA TV - Globo e PPV.

AO VIVO - estadao.com.br/e/sccp

LOCAL - Estádio do Barradão, em Salvador (BA).

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.