José Luis da Conceição/AE
José Luis da Conceição/AE

Corinthians volta à 'velha forma' e vence o Atlético-MG

Jogando bem, time de Mano Menezes vence a equipe mineira por 2 a 0, gols de Dentinho e Boquita

Tercio David, estadao.com.br

16 de agosto de 2009 | 18h01

O Corinthians parece finalmente ter reencontrado o seu futebol, e as vitórias, após cinco jogos. Novamente preciso na marcação e com Dentinho e Boquita inspirados, o time de Mano Menezes venceu o terceiro colocado Atlético Mineiro por 2 a 0 neste domingo, no Pacaembu, na última rodada do primeiro turno do Brasileirão.

Veja também:

link Mano Menezes elogia garra do time corintiano

link Com uma lesão na coxa, Edu desfalca o Corinthians

som Território Eldorado - Corinthians 1x0 | 2x0

especialMASCOTES - Baixe o papel de parede do seu time

especialVisite o canal especial do Brasileirão

Brasileirão 2009 - lista Tabela | tabela Classificação

especialDê seu palpite no Bolão Vip do Limão

Com o resultado, o Corinthians volta a subir na classificação, chegando a 28 pontos, nove a menos que o líder Palmeiras. "Até dá para voltar a falar em título. Se o time continuar jogando assim, podemos chegar", disse Dentinho, logo após a partida.

Já o Atlético-MG, dá adeus a briga pelo título simbólico do primeiro turno e deixou o G-4, sendo superado por Goiás e São Paulo na classificação. Com 32 pontos, apesar de ter um jogo a menos que o Palmeiras, não pode mais alcançar a equipe alviverde na classificação.

Na próxima rodada, a primeira do segundo turno, o Corinthians enfrenta o Internacional, no Beira-Rio, na quarta-feira, às 21h50. No dia seguinte, às 21 horas, o Atlético Mineiro recebe o Avaí, no Mineirão.

NADA BOM

Mesmo cheio de jogadores reservas, o Atlético foi quem começou melhor no jogo e pareceu que ia vencer até com certa facilidade. Logo aos três minutos, Tchô acertou belo lançamento para Eder Luis, que ficou cara a cara com Felipe na entrada da área. Na dividida, o goleiro levou a melhor, mas a sobra ficou para Diego Tardelli, que bateu de primeira, e só não marcou graças a intervenção salvadora de Edu, afastando em cima da linha.

O dia não parecia ser muito positivo para o Corinthians. Ainda antes da marca dos 20, Edu sentiu uma fisgada na coxa e teve de ser substituído por Moradei.

Pouco depois, Henrique, mostrando ser a melhor das opções para suprir a ausência de Ronaldo, chegou a marcar de cabeça, no rebote do goleiro Bruno, após chute de Dentinho. Mas o árbitro anulou, alegando uma carga do corintiano sobre o zagueiro.

 CORINTHIANS2
Felipe; Jucilei, Chicão, William (Jean) e Diego     ; Edu (Moradei), Elias e Boquita (Marcinho); Jorge Henrique, Henrique e Dentinho.
Técnico: Mano Menezes.
 ATLÉTICO-MG0
Bruno (Édson); Werley, Alex Bruno      e Thiago Cardoso; Marcos Rocha     , Renan     , Tchô      (Marcos), Júnior (Rafael) e Thiago Feltri; Diego Tardelli      e Éder Luís.
Técnico: Celso Roth.
Gols: Dentinho, aos 20 minutos do primeiro tempo. Boquita, aos 5 minutos do segundo tempo.

Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (RS).

Renda: não disponível

Público total: 20.947

Estádio: Pacaembu, em São Paulo (SP)

O mesmo Dentinho perdeu uma grande chance antes de abrir o placar, quando recebeu grande passe de Elias e tocou na saída de Bruno. A zaga ainda conseguiu salvar.

MELHOR DE TRÊS

Depois de duas tentativa "erradas", o Corinthians acertou na terceira. Dentinho recebeu grande passe de Boquita na entrada da área, se livrou de um marcador e bateu cruzado. A bola desviou no meio do caminho e tirou o goleiro Bruno da jogada. 1 a 0 para o time paulista.

"Passei por uma fase muito ruim no Corinthians em 2007, mas depois disso entrei numa fase boa. Treinando com o Ronaldo, que viu a gente lá da arquibancada, aprendi muita coisa, inclusive a finalizar com frieza quando fica de frente para o gol. Dedico este gol a ele", disse Dentinho, que comemorou com o indicador levantado, imitando o Fenômeno.

A boa atuação de Boquita no jogo foi premiada logo no começo do segundo tempo. Henrique roubou uma bola no meio-de-campo e rolou na entrada da área para o camisa 30, que mandou uma bomba, de primeira, no ângulo de Édson, que nada pode fazer.

CONSOLIDADA

A vitória corintiana foi praticamente consolidada aos 13 do segundo tempo, quando Renan foi expulso após dar um carrinho por trás em Elias e deixou o Atlético-MG com um jogador a menos.

Keiny Andrade/AE

Dentinho bate da entrada da área para marcar o primeiro gol do Corinthians em cima do Atlético-MG

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.