Arquivo Pessoal/José Antônio Costa
Arquivo Pessoal/José Antônio Costa

Corintiano compra totens no Morumbi para homenagear parentes são-paulinos já falecidos

Pai e filho estão entre as fotos colocadas no estádio graças à iniciativa de parente, que quis manifestar carinho

Ciro Campos, Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

01 de setembro de 2020 | 14h20

O corintiano José Antônio Costa resolveu abrir mão da tradicional rivalidade com o São Paulo para homenagear dois queridos parentes já falecidos e que eram torcedores do time tricolor. Na semana passada ele entrou em contato com o clube do Morumbi para comprar por totens no estádio para colocar em cada um deles fotos do primo e do tio, como uma forma deles continuarem ligados ao time preferido.

Durante a pandemia do novo coronavírus, o São Paulo e vários outros clubes passaram a vender espaços nos assentos para os torcedores enviarem fotos. A iniciativa é uma maneira de arrecadar dinheiro, mas também uma forma de os locais aparentarem estar menos vazios, apesar dos portões fechados e das restrições impostas pelas autoridades de saúde. Mesmo com tudo isso, Costa não teve dúvida sobre o que queria fazer.

O torcedor do Corinthians comprou no estádio do Morumbi três totens. Um tem a foto do tio, José Mauro Costa, e o outro do primo, Sérgio Lima Costa. Os dois faleceram anos atrás e eram fanáticos pelo São Paulo. A terceira imagem tem a foto do filho de Sérgio, Leandro, que também é são-paulino. "Eu achei que seria uma homenagem legal. Seria como se eles fossem eternizados. É como se o Morumbi estivesse batendo palmas para os dois", contou o corintiano.

Inclusive, Sérgio foi batizado pelo pai com esse nome por causa de Serginho Chulapa, maior artilheiro da história do São Paulo com 242 gols. Cada totem saiu por R$ 120. "Eu e meu primo fomos criados juntos, como irmãos. O Sérgio era muito exagerado, intenso, era chato. Ele ia ao estádio, acompanhava muito. Eu quis fazer essa homenagem porque achei muito legal", comentou.

Curiosamente, um dos jogos disputados no Morumbi diante dos totens com as fotos do pai e do filho foi justamente um clássico entre São Paulo e Corinthians. No último domingo, a equipe da casa venceu por 2 a 1, pelo Campeonato Brasileiro.

Para a irmã de Sérgio e filha de José Mauro, Patrícia Costa, a homenagem vinda do parente traz emoção extra. A dona de casa perdeu o pai em agosto de 2017 por causa de um acidente vascular cerebral (AVC) e um ano depois, no mesmo mês, chorou a morte do irmão, vítima de uma acidente de moto. "Quando vi a foto dos totens, eu desabei a chorar de emoção. Foi uma grande homenagem. Pra nós tem sido uma grande emoção, principalmente porque agosto é um mês de muitas lembranças para nós", explicou.

Patrícia conta que o pai e o irmão eram muito fanáticos pelo São Paulo. Os dois costumavam ir com frequência aos jogos do Morumbi e quase sempre estavam vestidos com a camisa do time tricolor. Nas reuniões em família, o futebol era um assunto constante e quando o São Paulo estava em boa fase, a dupla costumava tirar muito sarro dos parentes que torcem para os rivais.

"Eu não imaginava que meu primo teria essa atitude. Ele fez isso por amor aos parentes e mostrou que isso é maior do que qualquer rivalidade que existe no futebol. Meu primo deixou um exemplo, porque foi um gesto lindo e que nos motivou a família a se lembrar do meu pai e do meu irmão", contou Patrícia.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.