Corintianos admitem fraca atuação contra o Botafogo

André Santos admite que o adversário merecia melhor sorte na partida e Felipe diz que o importante é vencer

Marcel Rizzo, Jornal da Tarde

29 de janeiro de 2009 | 00h45

SÃO PAULO- O técnico Mano Menezes e os jogadores do Corinthians foram unânimes: a vitória de 2 a 0 sobre o Botafogo-SP caiu do céu. Todos concordaram que novamente o time fez uma partida ruim no Pacaembu, nesta quarta-feira.Veja também:Sem jogar bem, Corinthians bate o Botafogo-SP por 2 a 0 Ouça os gols no Território Eldorado Paulistão 2009 - Tabela e classificaçãoConfira as novidades do mercado do futebol Dê seu palpite no Bolão Vip do Limão "Erramos muito tecnicamente pela qualidade dos jogadores que nós temos. Pelo menos vencemos e temos que comemorar muito devido à atuação", comentou Mano Menezes, lembrando que o time pelo menos está entre os quatro primeiros colocados do Campeonato Paulista.O lateral André Santos foi até mais contundente. Em rara sinceridade, o corintiano admitiu que o Botafogo merecia melhor resultado depois de fazer o Corinthians "correr atrás deles o tempo inteiro", como definiu o jogador."Às vezes não temos uma noite inspirada e o adversário faz uma boa partida. Isso é normal. O importante é somar pontos, porque os rivais diretos estão vencendo as partidas".Ainda sem balançar a rede em jogos oficiais, o atacante Souza reclamou que a bola não está chegando no ataque. "Falta aquele passe final para podermos concluir com mais precisão". Ele minimizou os desfalques de Douglas, Jorge Henrique e Morais, que estão machucados e suspenso. "Os que entram conseguem dar conta do recado. Estamos vencendo".O goleiro Felipe segue na mesma direção. "As vezes você não precisa jogar bem para vencer. Essa foi uma noite que muita coisa deu errado, mas é importante saber que conseguimos ganhar assim também", avaliou.A preocupação de Mano Menezes agora é o lateral Wellington Saci, que estava substituindo o meia Douglas, machucado. Saci foi substituído com dor no tornozelo esquerdo, após receber uma pancada. Ele será reavaliado na quinta-feira, mas já é dúvida para encarar o Oeste, sábado, no Pacaembu.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.