Corintianos estreiam bandeira gigante no clássico

O clássico entre Corinthians e Palmeiras terá um espetáculo nas arquibancadas. A torcida organizada Gaviões da Fiel promete levar para o Pacaembu a "maior bandeira do mundo". Trata-se de um bandeirão de 15 mil metros quadrados (250 m x 60 m), que foi confeccionado para homenagear o alvinegro paulista no ano de seu centenário.

ANDRÉ RIGUE, Agencia Estado

29 de janeiro de 2010 | 17h56

Os torcedores levaram mais de um ano para criar a bandeira, como explica o desenhista da Gaviões da Fiel, Rogério Bandeira. "Desenhamos a evolução do símbolo do Corinthians. É o presente que preparamos para o centenário do clube", afirmou.

Devido ao tamanho, a bandeira não poderá ser totalmente aberta no Pacaembu. "Ela tem 60 metros de largura, mas no Pacaembu só vai ser possível abrir 40 metros pelo tamanho da arquibancada. A Polícia não permitiu que a bandeira passasse por cima do alambrado. Mas em outro jogo, num estádio maior, ela será aberta totalmente", conta o desenhista.

O valor da bandeira ficou em torno dos R$ 80 mil. Foram gastos mais de 800 litros de tinta para colorir os 15 mil metros quadrados. O duelo entre Corinthians e Palmeiras, pela quinta rodada do Campeonato Paulista, acontecerá neste domingo, às 17 horas.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCorinthiansclássicobandeira

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.