Corintianos se misturam a torcedores de River e outros contra o Boca Juniors

BUENOS AIRES - O preto e branco já domina as ruas centrais de Buenos Aires. E não é exagero dizer isso nesse momento. Basta um giro pelo centro comercial para encontrar os corintianos fazendo festa e ensinando o "Vai, Corinthians!" e o "Aqui tem um bando de Loucos" para os torcedores de River Plate, San Lorenzo, Vélez Sarsfield, Independiente, entre outros que fazem questão de tirar fotos com os "aliados" contra o Boca Juniors.

Fábio Hecico e Raphael Ramos, estadão.com.br

27 de junho de 2012 | 14h55

O clima é festivo e sem confusão até gora também. "As torcidas são amigas, mas vamos ver quando chegarmos perto do estádio. Eles (boquenses) devem estar todos por lá nos esperando", diz Marcelo Gilberto Paixão, que estava com alguns amigos na entrada do hotel do Corinthians. Eles também tentam conseguir ingressos.

Os cerca de 20 amigos desembolsaram R$ 500,00 cada pelas entradas. "Vamos fazer a maior festa, mostrar como é que se torce." Disse e correu para mais uma foto da torcida com os argentinos.

A promessa é que 6 mil corintianos cheguem a Buenos Aires ainda nesta quarta para tentar reforçar a torcida  na La Bombonera - oficialmente apenas 2.450 ingressos foram repassados aos brasileiros. Nas ruas, nos shoppings, nas tradicionais galerias e nos restaurantes é possível vê-los exibindo com orgulho a camisa do time. "Aqui é Corinthians", gritam em plena Buenos Aires.

Tudo o que sabemos sobre:
CorinthiansCopa Libertadores

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.