Coritiba e Paraná com recorde de torcida

A promoção feita pela Nestlé, que permitiu a troca de uma lata de Nescau por um ingresso, deve garantir um recorde de público no clássico entre Coritiba e Paraná, neste domingo, às 18h10, no Estádio Couto Pereira, em Curitiba (PR). Na quinta-feira todos os cerca de 30 mil ingressos já tinham sido vendidos, o que significa quase o dobro do maior público nesse clássico, que foi de 15.968, em maio de 2003.No Coritiba, que tem dez pontos, o técnico Cuca prefere manter o segredo sobre o time que vai colocar em campo. Nisso é beneficiado pelas contusões de alguns jogadores como o lateral Jucemar e o zagueiro Reginaldo Nascimento. Para ele, o fato de o Coritiba não perder para o Paraná há 9 anos (dez jogos) no Couto Pereira é apenas "legal para a imprensa". "Não penso muito nisso", acentua. "No futebol não há outra verdade senão a vitória e nós queremos comprovar o nosso momento com um resultado positivo."O técnico do Paraná (que tem nove pontos), Lori Sandri, não quis saber de esconder a escalação e anunciou desde o primeiro treino que o time seria o mesmo que venceu o Fortaleza por 3 a 0. "Do mesmo modo que o Cuca conhece o Paraná, eu sei como o Coritiba pode jogar. Não há novidades", diz.Ele prefere não menosprezar o comentado tabu que cerca o time em jogos na casa do adversário. "Tudo o que envolve um clássico deve ser levado em conta", pondera. "Para a história ficaria a quebra de um jejum, o que seria bom para nós."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.