Divulgação/ CFC
Divulgação/ CFC

Coritiba estreia Rodrigo Santana e tenta superar baixas pela covid-19

Equipe do Alto da Glória precisa vencer para se afastar da zona de rebaixamento

Redação, Estadão Conteúdo

08 de novembro de 2020 | 13h42

A estreia de Rodrigo Santana no comando do Coritiba não poderia ser mais complicada. Neste domingo, o time paranaense enfrenta o líder Internacional, a partir das 16 horas, no Beira-Rio, pela 20.ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Anunciado na semana passada, Rodrigo Santana acompanhou a vitória sobre o Atlético-GO, por 1 a 0. Na ocasião, o Coritiba foi comandado interinamente por Pachequinho. O resultado, porém, não tirou o time da zona de rebaixamento, onde está com 19 pontos.

"É um grande desafio, estou muito feliz de estar aqui. A gente está preparado para esse desafio, conhece bem a Série A. A gente quer viver jogo a jogo", disse o treinador. Ele é o terceiro técnico só nesta competição do time, que teve antes Eduardo Barroca e Jorginho.

Enfrentar o líder do Brasileirão não é o único problema que Rodrigo Santana vai ter na sua estreia. Cinco jogadores testaram positivo para a covid-19. Os nomes não foram revelados, mas dois deles podem ser Nathan Silva e Matheus Galdezani, que são titulares e nem viajaram para Porto Alegre.

Por outro lado, o lateral-direito Jonathan e o zagueiro Rodolfo Filemon estão recuperados do coronavírus e vão para o jogo. Os zagueiros Rhodolfo e Nathan Ribeiro foram liberados pelo departamento médico e estão à disposição.

Outra boa notícia é a volta do atacante Robson, que cumpriu suspensão na última rodada. Artilheiro do time no Brasileirão, com seis gols, ele renovou seu contrato com o Coritiba até o fim do campeonato, em fevereiro de 2021.

FICHA TÉCNICA:

CORITIBA - Wilson; Jonathan, Rodolfo Filemon, Sabino e William Matheus; Hugo Moura, Matheus Sales e Giovanni Augusto; Robson, Neílton e Ricardo Oliveira. Técnico: Rodrigo Santana.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.