Coritiba goleia no Couto Pereira; Atlético-PR vence

No retorno ao Estádio Couto Pereira, em Curitiba, o Coritiba venceu o Nacional por 4 a 1, neste domingo, e firmou-se na liderança do Campeonato Paranaense, com 25 pontos, quatro à frente do Atlético Paranaense, seu próximo adversário. O Coritiba não jogava em casa desde o dia 6 de dezembro quando empatou com o Fluminense, caiu para a Série B e alguns torcedores promoveram uma selvageria em campo. O Nacional é o penúltimo colocado.

EVANDRO FADEL, Agencia Estado

28 de fevereiro de 2010 | 21h47

A liberação do estádio não vale para o Campeonato Brasileiro da Série B. O clube recebeu punição do Superior Tribunal de Justiça Desportiva de perda de 30 mandos, além de pagamento de R$ 610 mil de multa. Na próxima quinta-feira, o tribunal deve apreciar recurso do clube.

Com o ingresso a R$ 50,00, o número de torcedores não foi o esperado. Apenas 5.127 pagantes. Nos fundos de um dos gols, torcedores da Império Alviverde, uma das torcidas organizadas, embora sem portar faixas de identificação, tentaram entoar seus gritos de guerra, mas foram vaiados pelos demais. Em campo, viram um jogo em que o Coritiba dominou totalmente, restringindo o Nacional a alguns contra-ataques.

O primeiro gol coritibano foi marcado aos 35 minutos do primeiro tempo, em uma cobrança de pênalti por Ariel. No lance que originou a penalidade, o zagueiro Bruno Matavelli foi expulso. Quando o Coritiba dava demonstração de que partiria para uma goleada, Kim arriscou de longe, aos 48 minutos, e o goleiro Edson Bastos foi vencido, decretando o empate no primeiro tempo.

O Coritiba voltou com o atacante Bill no lugar do volante Marcos Paulo para o segundo tempo e foi para a pressão. Aos 13 minutos, Renatinho pegou rebote do goleiro e mandou um chute forte da entrada da área para marcar o segundo. Com o cansaço dos jogadores do Nacional ficou mais fácil. Aos 28 minutos, Bill recebeu passe dentro da área e fez o terceiro. Foi dele também o quarto, aos 41 minutos, pegando rebote de uma bicicleta de Geraldo.

Em Paranaguá, Atlético e Rio Branco fizeram um jogo bastante equilibrado no primeiro tempo. No segundo, com um melhor posicionamento tático do Atlético, o visitante foi para cima do adversário e ganhou por 2 a 1, com os dois gols atleticanos marcados por Bruno Mineiro, enquanto Renan diminuiu para o Rio Branco.

Nos outros jogos, o Iraty goleou o Corinthians Paranaense por 5 a 0, o Serrano saiu de casa par vencer o Engenheiro Beltrão por 3 a 2, o Paranavaí derrotou o Operário por 1 a 0, o que levou à demissão do técnico Norberto Lemos, e o Cianorte empatou com o Toledo por 1 a 1.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.