Coritiba poupa titulares, mas faz 3 a 0 no Atlético-GO

O Coritiba resolveu poupar os titulares no jogo deste domingo, por causa da disputa da semifinal da Copa do Brasil, e, mesmo assim, não precisou de muito esforço para vencer o Atlético-GO por 3 a 0, no Estádio Couto Pereira, em Curitiba, pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro.

JULIO CESAR LIMA, Agência Estado

17 de junho de 2012 | 20h58

Com a segunda vitória no Brasileirão, o Coritiba chegou aos seis pontos. Além disso, poupou os titulares para enfrentar o São Paulo na quarta-feira, pela Copa do Brasil. Já o Atlético-GO segue sem vencer no campeonato, ocupando a penúltima posição, com apenas dois pontos.

Apesar da decisão do técnico Marcelo Oliveira de jogar com o time reserva, o Coritiba não sentiu a falta de ritmo de jogo e entrosamento. Aos 25 minutos, Pereira aproveitou uma cabeçada de Marcel, após a cobrança de falta, e, mesmo meio desequilibrado, chutou para abrir o placar.

Sem força ofensiva, o Atlético-GO não conseguiu equilibrar as ações no primeiro tempo. Mas mostrou evolução na segunda etapa, melhorando a marcação e levando perigo ao Coritiba. Em uma boa chance, aos 10 minutos, Marcão exigiu difícil defesa do goleiro Vanderlei.

Como não marcou, o time goiano levou o castigo. Em um tiro livre indireto dentro da área - por causa de um recuo da defesa que o goleiro Márcio defendeu -, Tcheco rolou a bola para Marcel ampliar para o Coritiba aos 26 minutos.

Dois minutos depois, Rafinha puxou um contra-ataque e tocou para Tcheco, que, com uma "cavadinha", mandou a bola por cima de Márcio, fazendo 3 a 0. Com o placar definido, o time da casa relaxou a marcação e ainda viu Fernando Bob perder um gol incrível aos 35, quando, livre de marcação na frente de Vanderlei, chutou fraco para a defesa do goleiro do Coritiba.

CORITIBA 3 X 0 ATLÉTICO-GO

CORITIBA - Vanderlei; Jonas, Pereira, Lucas Claro e Eltinho (França); Júnior Urso, Chico, Tcheco e Lincoln (Rafael Silva); Rafinha e Marcel (Renan Oliveira). Técnico: Marcelo Oliveira.

ATLÉTICO-GO - Márcio; Joilson (Marcos), Gilson, Paulo Henrique e Eron; Pituca, Marino, Fernando Bob (Diogo) e Bida; Marcão e Wesley. Técnico: Hélio dos Anjos.

GOLS - Pereira, aos 25 minutos do primeiro tempo; Marcel, aos 26, e Tcheco, aos 28 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Nielson Nogueira Dias (PE).

CARTÕES AMARELOS - Vanderlei, França, Pituca e Eron.

RENDA - R$ 81.237,00

PÚBLICO - 7.392 pagantes

LOCAL - Estádio Couto Pereira, em Curitiba (PR).

Notícias relacionadas

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.