Coritiba precisa da vitória na Argentina

O Coritiba não pode pensar em nada além da vitória nesta quinta-feira, em jogo contra o Rosario Central, às 21h15, no estádio Gigante de Arroyito, na Argentina. Afinal, a equipe paranaense tem apenas 1 ponto no grupo 9 da Copa Libertadores da América.Além disso, o Rosário Central é o líder com quatro pontos, junto com o Sporting Cristal, do Peru - o outro time da chave é o paraguaio Olimpia.Para esta partida, a única dúvida no time era o atacante Luiz Mário, que sentiu dores na coxa direita e assustou um pouco o técnico Antônio Lopes. O jogador, porém, realizou testes físicos e está praticamente confirmado. "Não posso ficar fora de uma partida como essa", garantiu ele.O atacante Aristizábal, principal reforço do clube na temporada, poderá ser poupado no primeiro tempo. Ele diz estar em boa forma física, mas deve entrar somente na segunda etapa."Eles não se dão por vencidos até o final do jogo", alerta o colombiano, ao comentar as armas dos adversários.O Rosario aposta todas as suas fichas na Libertadores. Em má situação na competição nacional, o clube sabe que uma derrota ou empate em casa será sinônimo de pressão. A diretoria espera a presença de 40 mil torcedores. A única dúvida do técnico Miguel Russo era o zagueiro Carbonari, com inflamação no joelho direito, mas ele está recuperado e vai para o jogo.

Agencia Estado,

03 de março de 2004 | 18h29

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.