Coritiba se une pela vaga na Libertadores

Dependendo apenas de suas forças para garantir sua segunda participação na história da Copa Libertadores, o Coritiba entra em campo com força máxima para a partida contra o Criciúma, neste sábado, às 18 horas. A única ?ausência? é a do treinador Paulo Bonamigo, que está suspenso em razão de expulsão no jogo contra a Ponte Preta. Assim, ele ficará num camarote do estádio Couto Pereira, de onde passará orientações para os jogadores. "Não pode faltar entrega, não pode faltar sacrifício, não pode faltar qualidade para vencer o Criciúma e conseguir nosso objetivo", afirmou Bonamigo, para motivar ainda mais seus jogadores.Declarações dadas pelo próprio Bonamigo sobre o fim de seu ciclo no Coritiba agitaram um pouco o ambiente, mas não chegaram a tirar a concentração dos jogadores. Em meio aos treinamentos, o clube buscou motivar ainda mais o grupo. Até o campeão mundial de vale-tudo, Vanderlei Silva, que é torcedor do time, esteve no centro de treinamentos. "Ele nos trouxe uma energia muito forte. É um grande campeão, com espírito vencedor, guerreiro, que é o que nós mais precisamos neste momento", disse o treinador.O pedido mais constante durante a semana era para que todos encarassem a partida com grande seriedade e não entrassem na euforia que os torcedores vêm mostrando. Segundo a assessoria de imprensa do clube, até a metade da tarde desta sexta-feira já tinham sido vendidos 30 mil dos quase 36 mil ingressos colocados à venda. O melhor público do Coritiba neste campeonato foi na partida contra o Santos, quando 18.079 torcedores pagaram ingresso.A impaciência da torcida pode se tornar inimiga. Por isso, o técnico vem pedindo compreensão e carinho com a equipe. "Não dá para pressionar o time no caso de um acidente de tomarmos gol, por exemplo", explicou. "Quando os atletas sentem o apoio da torcida, nenhuma equipe resiste ao Coritiba jogando no Couto Pereira."Com a recuperação do atacante Edu Salles e a liberação do volante Roberto Brum, que estava suspenso, Bonamigo não faz segredo sobre o time. "Vou colocar aqueles que jogaram mais até agora", adiantou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.