Coritiba vence a primeira na Libertadores

O Coritiba manteve as possibilidades de classificação para a próxima fase da Taça Libertadores da América, ao vencer o Rosario Central por 2 a 0, nesta quarta-feira à noite, no Estádio Couto Pereira, em Curitiba. A vitória, a primeira na competição sul-americana, faz com que o time brasileiro deixe a última colocação do Grupo 9, somando 4 pontos. O Rosario Central e o Sporting Cristal lideram com 7, enquanto o Olimpia está na lanterna com 1 ponto. Mas a missão ainda é difícil, pois o Coritiba precisa vencer as duas partidas que lhe restam para ficar com uma vaga nas oitavas-de-final. Necessitando da vitória, o Coritiba não quis dar espaço ao adversário, que já tinha dado um sufoco na primeira partida, em que venceu pelo mesmo placar. Desde o início do jogo procurou mais o ataque, forçando o Rosario a ficar em seu campo. A maior presença coritibana foi recompensada aos 19 minutos, quando Reginaldo Nascimento completou de cabeça para o gol uma cobrança de escanteio. A torcida ganhou ainda mais fôlego para impulsionar o time. Após o gol, algumas deficiências coritibanas começaram a aparecer, sobretudo no meio-de-campo, onde Ígor mostrava indecisão sobre seu posicionamento. Marcando pouco e sem criatividade na ligação com o ataque, ele permitia que os jogadores do Rosario Central armassem suas poucas jogadas de contra-ataque. O Coritiba deu a impressão de que voltaria com o mesmo ímpeto para o segundo tempo.Mas, aos poucos, o Rosario Central passou a ganhar o meio-de-campo, onde Ígor continuava destoando. Mesmo assim, o time argentino não se arriscava a procurar o ataque. Aos 20 minutos, Laércio e Capixaba tiveram chance para marcar o segundo gol, mas o goleiro Gaona impediu. A troca de Ígor por Éder não mudou muito a movimentação do Coritiba. Para sorte do time paranaense, os argentinos não tinham nenhum bom finalizador. Ratificando a vitória, Adriano marcou o segundo gol aos 44 minutos e manteve acesa a esperança coritibana. A próxima partida será no Paraguai contra o Olímpia, fechando a participação em Curitiba, contra o Sporting Cristal.

Agencia Estado,

10 de março de 2004 | 21h35

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.