Coritiba vence Sport, quebra tabu em Recife e se afasta da zona de rebaixamento

Paranaenses nunca tinham vencido na Ilha do Retiro

Julio Cesar Lima, Especial para o Estado

18 de setembro de 2016 | 19h52

Em uma partida que era decisiva para o futuro das duas equipes no Brasileirão, o Coritiba quebrou o tabu de nunca ter vencido na Ilha do Retiro, em Recife (PE), ao bater o Sport por 1 a 0, neste domingo, com gol de Amaral aos 32 minutos do primeiro tempo. Com este resultado, válido pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro, deixou o Coritiba na 13ª colocação, com 33 pontos, e o Sport uma posição abaixo, com 30.

As duas equipes entraram em campo ameaçadas pela proximidade de dois pontos da zona de rebaixamento. O Sport iniciou a partida pressionando mais, mas o Coritiba, com Luccas Claro e Ney, fechava bem as tentativas ofensivas do Sport.

O jogo ficou mais concentrado no meio de campo e o Coritiba subia pouco ao ataque. Aos 32 minutos, porém, o time paranaense chegou ao gol, após uma cobrança de falta de Raphael Veiga em que Amaral se antecipou ao goleiro Agenor e marcou de cabeça.

O Sport, que havia levado perigo ao gol de Wilson somente em um chute de Neto Moura, aos 16 minutos, quase empatou após uma boa jogada de Diego Souza que exigiu difícil defesa de Wilson.

Na segunda etapa, o Coritiba soube segurar a pressão pernambucana e o time, que já havia perdido o volante Amaral, com fratura no maxilar, ainda perdeu Raphael Veiga também por lesão muscular. Assim, se fechou ainda mais para segurar o resultado positivo.

O rubro-negro tentou explorar as jogadas pelas laterais, mas seus atacantes não conseguiram empatar. "Mais importante que o tabu é o resultado, foram os três pontos", disse o técnico Paulo Cesar Carpegiani.

Após a boa vitória em casa, o Coritiba voltará a jogar pelo Brasileirão no próximo sábado, contra o líder Palmeiras, às 16 horas, no Allianz Parque, em São Paulo. No mesmo dia, às 18h30, o Sport terá pela frente o Santos, novamente jogando na Ilha do Retiro.

FICHA TÉCNICA

SPORT 0 X 1 CORITIBA

SPORT - Agenor; Samuel Xavier, Matheus Ferraz, Durval e Rodney Wallace (Renê); Paulo Roberto, Neto Moura (Rogério), Everton (Vinícius) e Diego Souza; Ruiz e Gabriel Xavier. Técnico: Oswaldo de Oliveira.

CORITIBA - Wilson; Dodô, Luccas Claro, Nery, Juninho; Amaral (Ícaro) Edinho, Raphael Veiga (Cezar González) e Yan; Kazim e Leandro (Iago). Técnico: Paulo César Carpegiani.

GOL - Amaral, aos 32 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Marielson Alves da Silva (BA).

CARTÃO AMARELO - Leandro (Coritiba).

RENDA - R$ 217.120,00.

PÚBLICO - 7.496 pagantes.

LOCAL - Ilha do Retiro, em Recife (PE).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.