Correção: São Paulo é campeão brasileiro pela sexta vez

A nota enviada anteriormente contém um erro no quinto parágrafo - o Grêmio e não o Cruzeiro já estava garantido na Libertadores. Segue a íntegra da nota corrigida:O São Paulo conquistou neste domingo o sexto título brasileiro de sua história, sendo o terceiro seguido. O inédito feito são-paulino veio com uma vitória sobre o Goiás, por 1 a 0, no Distrito Federal, o que não deu chances para o Grêmio, que ganhou por 2 a 0 do Atlético-MG, em Porto Alegre, e terminou em segundo lugar. A 38ª e última rodada do campeonato também definiu Cruzeiro e Palmeiras como os dois últimos classificados para a Libertadores de 2009, enquanto Vasco e Figueirense se juntaram a Ipatinga e Portuguesa entre os rebaixados.Com três pontos de vantagem na liderança, o São Paulo entrou na última rodada do campeonato dependendo apenas de um empate para ser campeão. Mas fez mais do que isso, ao ganhar do Goiás no Estádio Bezerrão, na cidade-satélite do Gama, graças a um gol irregular do atacante Borges, que estava impedido na jogada. O Grêmio também fez sua parte neste domingo, ao derrotar o Atlético-MG no Olímpico, mas não foi suficiente para chegar ao título.A última rodada do Brasileirão foi marcada por uma polêmica na arbitragem. No sábado, a CBF recebeu uma denúncia de tentativa de manipulação de resultado e resolveu mudar o árbitro do jogo Goiás x São Paulo. Assim, Wagner Tardelli deu lugar a Jailson Macedo Freitas. A entidade evitou dar detalhes sobre o caso, o que promete fazer apenas nesta segunda-feira, quando também deve iniciar uma investigação.Independente da polêmica na arbitragem, o São Paulo confirmou seu favoritismo e chegou ao incontestável título. Além disso, conseguiu alguns feitos históricos: é o primeiro clube a ser campeão três vezes seguidas no Brasileirão e é também o primeiro a ganhar o campeonato em seis ocasiões - as outras foram em 1977, 1986, 1991, 2006 e 2007. Essa também é a primeira vez que os são-paulinos comemoram um tricampeonato, levando em consideração todas as competições que disputaram. CLASSIFICADOS - A última rodada do Brasileirão também reservou emoção para os torcedores de Palmeiras, Cruzeiro e Flamengo, os três clubes que brigavam pelas duas vagas restantes na próxima edição da Libertadores - São Paulo e Grêmio já estavam garantidos. E a festa foi de cruzeirenses e palmeirenses, para tristeza dos flamenguistas. O Cruzeiro conseguiu sua vaga com uma goleada sobre a já rebaixada Portuguesa, por 4 a 1, no Mineirão, terminando o campeonato em terceiro lugar. Já o Palmeiras se classificou mesmo com a derrota para o Botafogo, por 1 a 0, no Palestra Itália, pois foi beneficiado pela derrota do Flamengo para o Atlético-PR, por 5 a 3, na Arena da Baixada.QUEDA - Essa incrível vitória sobre o Flamengo livrou o Atlético-PR do rebaixamento. A mesma sorte não tiveram Vasco e Figueirense, que irão disputar a Série B do Brasileiro em 2009, ao lado de Portuguesa e Ipatinga, que já tinham sido rebaixados na rodada anterior.A queda vascaína veio com a derrota para o Vitória, por 2 a 0, em São Januário. Já o Figueirense, mesmo com os 3 a 1 que fez sobre o Internacional, no Estádio Orlando Scarpelli, não conseguiu escapar do rebaixamento, pois o Atlético-PR venceu seu jogo e o Náutico arrancou um empate com o Santos, por 0 a 0, na Vila Belmiro.IGUALDADE - Um fato curioso aconteceu nesta edição do Brasileirão: três jogadores terminaram empatados na artilharia do campeonato, todos com 21 gols. Washington, do Fluminense, e Keirrison, do Coritiba, marcaram um gol cada neste domingo, juntando-se a Kleber Pereira, do Santos, como os principais goleadores da competição.Confira todos os resultados da 38ª e última rodada:Goiás 0 x 1 São PauloGrêmio 2 x 0 Atlético-MGPalmeiras 0 x 1 BotafogoCruzeiro 4 x 1 PortuguesaAtlético-PR 5 x 3 FlamengoVasco 0 x 2 VitóriaFigueirense 3 x 1 InternacionalSantos 0 x 0 NáuticoSport 4 x 3 CoritibaFluminense 1 x 1 Ipatinga

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.