Correção: Vágner diz que Palmeiras pode levá-lo à Copa

A nota enviada anteriormente continha um erro - é a segunda passagem de Vágner Love pelo Palmeiras. Segue a nota corrigida:

AE, Agencia Estado

31 de agosto de 2009 | 19h16

O atacante Vágner Love iniciou a sua segunda passagem pelo Palmeiras com trancinhas verdes e bastante sorridente. Ele vestiu novamente a camisa 9 nesta segunda-feira, na Academia de Futebol, na apresentação oficial, e fez questão de afirmar que ficou emocionado com o momento. Ele garantiu que seu foco está no Palmeiras, mas admitiu que pensa em uma convocação para a Copa do Mundo.

"Tomei a decisão de voltar ao Palmeiras pelo passado que tive aqui, pelo carinho de todos, espero ajudar muito o time", disse Vágner Love, que explicou os motivos de seu retorno. "O Palmeiras está na reta final do Campeonato Brasileiro, tem possibilidade de ser campeão, de ir à Libertadores."

Ele garantiu, porém, que a seleção brasileira não é sua prioridade no retorno ao País. "Primeiramente tenho de fazer pelo Palmeiras, fazer um bom trabalho, e consequentemente voltar à seleção, se tiver a oportunidade", explicou.

Para entrar em campo, Vágner Love diz que só depende do técnico Muricy Ramalho. "Estou apenas há três dias sem trabalhar. Vai depender do Muricy. É um time bem montado, muito bem treinado e compacto, e com certeza vai melhorar cada vez mais", afirmou.

Seu empréstimo ao Palmeiras é de um ano. Mas Vágner Love já sabe que terá de voltar ao CSKA Moscou. "É complicado não voltar. Todos aqui estão de parabéns por essa negociação acontecer. Eu renovei lá faz pouco tempo e dificilmente ficarei aqui após o empréstimo. Eu acho que vou ter de voltar", explicou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.