Divulgação
Divulgação

Cortez assina com o Benfica e provoca São Paulo

Dispensado do Tricolor, lateral disse que espera vencer o antigo clube em uma partida

AE, Agência Estado

13 de julho de 2013 | 10h05

LISBOA - Confirmado como novo reforço do Benfica, Bruno Cortez já posou para fotos com a camisa do time português no Estádio da Luz, em Lisboa, e cutucou o São Paulo, do qual foi dispensado recentemente. O lateral-esquerdo deixou o clube brasileiro pela porta dos fundos, após ser afastado do elenco no dia 10 de maio, junto com outros seis jogadores.

Em Lisboa, Cortez não escondeu a empolgação pela chance de disputar torneios europeus. E não deixou de dar uma alfinetada no ex-time: "Espero poder vencer o São Paulo", afirmou. "As sensações são as melhores. Espero que gostem do meu trabalho neste estádio lindo. Agora vou-me preparar para correr muito pelo Benfica neste gramado, dar coisas boas aos torcedores e à diretoria que está apostando em mim".

Para Cortez, a chegada ao Benfica despertou o desejo de voltar à seleção brasileira. "Quando o Benfica mostrou interesse em mim, a motivação aumentou. Vou estar num clube europeu para mostrar o meu trabalho e ajudar os companheiros a conquistar títulos. Posso voltar para a seleção dependendo do que produzir no meu clube", projetou.

Cortez deixou o São Paulo depois de uma queda de rendimento, iniciada ainda em 2012. O lateral perdeu espaço no time e teve que se contentar com o banco de reservas sob o comando do técnico Ney Franco. Sem despertar o interessa da comissão técnica, ele foi dispensado para jogar em outro clube. Mas segue vinculado ao São Paulo. O contrato com o Benfica é por empréstimo de um ano, com opção de compra, ao fim da temporada europeia, em maio de 2014.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSão Paulo FCCortezBenfica

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.