Jorge Rendon/AFP
Jorge Rendon/AFP

Costa Rica empata com Honduras no fim e se classifica à Copa do Mundo

Seleção da América Central garante vaga no Mundial da Rússia com empate por 2 a 2, dentro de casa

Estadão Conteúdo

07 Outubro 2017 | 21h18

Foi sofrido, mas a Costa Rica se garantiu neste sábado na Copa do Mundo da Rússia. A equipe jogava no estádio Nacional, na capital San José, em duelo pelas Eliminatórias da Concacaf (Américas do Norte e Central e Caribe) do Mundial de 2018, e precisava apenas de um empate contra Honduras. E, depois de sair perdendo, empatou por 1 a 1 aos 49 minutos do segundo tempo, assegurou a classificação e fez a festa de sua torcida.

+ França derrota Bulgária e retoma liderança; Holanda vence e depende de milagre

+ Suíça e Portugal vencem e decisão da vaga para Copa fica para terça em Lisboa

A seleção costa-riquenha, assim, garantiu a vice-liderança com 16 pontos e não pode mais ser alcançada por Panamá, o quarto colocado com 10, os mesmos de Honduras. Já os Estados Unidos estão em terceiro com 12. O México, com 21, já está classificado.

A partida deste sábado, aliás, ocorreria inicialmente na última sexta-feira, mas foi adiada devido aos estragos causados pela tormenta Nate. O governo da Costa Rica decretou estado de emergência no país, na última quinta, após as fortes chuvas e inundações da tempestade tropical terem deixado dois mortos e mais de 5 mil pessoas desabrigadas.

Ainda assim, a confiança de que a Costa Rica obteria a sua quinta classificação a uma Copa do Mundo era grande. Mas a seleção fez um jogo apático e procurou mais segurar o resultado. E, aos 21 minutos do segundo tempo, o atacante Eddie Hernandez fez o gol de Honduras que adiava a classificação do time mandante.

Mas, já aos 49 minutos, quando a tensão tomava conta do estádio Nacional, em San José, o zagueiro Kendall Waston aproveitou cruzamento, marcou de cabeça e garantiu o 13.º classificado à Copa do Mundo.

Na última rodada, que será disputada nesta terça-feira, a seleção hondurenha recebe o já classificado México, enquanto que os Estados Unidos desafiam o lanterna Trinidad & Tobago, fora de casa. Já a Costa Rica encerra a competição contra o Panamá. Na Concacaf, os três primeiros colocados do hexagonal final avançam direto à Copa. O quarto jogará uma repescagem em novembro contra o vencedor do duelo asiático ente Austrália e Síria.

Este sábado, aliás, teve outro classificado à Copa do Mundo da Rússia. Foi a Nigéria, que venceu a Zâmbia por 1 a 0. A seleção africana, assim, juntou-se a Brasil, classificado na America do Sul; Irã, Japão, Coreia do Sul e Arábia Saudita, na Ásia; Bélgica, Espanha, Alemanha e Inglaterra, na Europa; e o próprio México. País-sede, a Rússia também está garantida no Mundial.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.