Yann Coatsaliou / AFP
Yann Coatsaliou / AFP

Cotado no Arsenal, Patrick Vieira é confirmado como técnico do Nice

Francês tem experiência como técnico do New York City, da MLS, onde conseguiu levar a equipe até os playoffs

Estadão Conteúdo

11 Junho 2018 | 10h50

Depois de estrear na carreira de técnico à frente do New York City em 2016, o ex-capitão do Arsenal Patrick Vieira foi confirmado nesta segunda-feira como novo treinador do Nice, da França.

+ Após empréstimos, Barcelona vende atacante Deulofeu para o Watford

+ Receita do futebol supera R$ 100 bi e esporte já é maior que PIB de 95 países

+ Com ausências de peso, Copa terá 186 nomes do Mundial de 2014 e atleta de 45 anos

Vieira chega para substituir Lucien Favre, que deixou o comando da equipe francesa ao término da temporada. Essa confirmação também colocou um fim às especulações de que o ex-jogador francês pudesse substituir Arsène Wenger no comando do Arsenal.

"Depois de dois anos e meio no comando do NYCFC, hoje (segunda-feira) foi meu último dia. Posso honestamente dizer que meu ciclo nesse clube foi absolutamente perfeito - tanto a nível profissional, quando pessoal", postou Vieira no Twitter.

O treinador conseguiu levar o New York City aos playoffs da MLS (Major League Soccer, principal competição de futebol dos Estados Unidos e do Canadá) por dois anos consecutivos, mas deixa o comando da equipe sem conquistar títulos. Atualmente, o New York City ocupa a segunda colocação da Conferência Leste da competição.

Como jogador, Vieira também defendeu Juventus, Inter de Milão e Manchester City. No entanto, no Arsenal, atuou por quase uma década e foi um dos principais jogadores do elenco de Wenger. Ele foi capitão da equipe na conquista do Campeonato Inglês de 2003/2004. Pela seleção francesa, estava presente na equipe que conquistou a Copa do Mundo de 1998.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.