CPI constata contradições de juiz

Terminou o depoimento do juiz Jose Carlos Santiago de Andrade, e já começou a sessão para ouvir o contador do Vasco Vanderlei Guilherme Doring. No depoimento de Andrade a CPI constatou pelo menos três contradições. A primeira, quando afirmou que não tinha negócios com Wanderley Luxemburgo embora possuísse uma procuração ampla do técnico do Corinthians, a segunda contradição recebeu pelo menos R$ 300 mil em sua conta corrente depositados por Luxemburgo e a terceira é que Andrade adquiriu do treinador a empresa Luxemburgo Empreendimentos.Na abertura do depoimento do contador Vanderlei Guilherme Doring o presidente da CPI, Álvaro Dias (PSDB-PR) negou a autorização para que o depoimento fosse secreto. "Se houver um motivo justificado nós realizaremos a sessão secreta, mas por enquanto não há razão para tal", disse Dias.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.