CPI não convocará dirigente do Delta

Os deputados que integram a chamada bancada da bola na CPI da CBF/Nike venceram, por 14 votos a 10, o grupo de parlamentares que pleiteava convocar os dirigentes do Delta Bank para depor. O requerimento, convocando Milton Bleffe, vice-presidente da instituição, foi rejeitado e, para evitar outra goleada, os requerimentos que convocavam outros dirigentes do Delta Bank foram retirados e devem ser votados nesta quinta-feira.Segundo o deputado José Lourenço (PMDB-BA), "os contratos de empréstimo da CBF no Delta Bank foram todos legais, então não há porquê convocar dirigentes de banco que vão chegar aqui, alegar que o sigilo bancário não permite dar informações e essa Comissão vai ficar com a cara para o ar", justificou Lourenço, que votou contra a convocação de Bleffe.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.