CPI: petista diz que Teixeira mentiu

O vice-presidente da CPI CBF/Nike, deputado Pedro Celso (PT-DF), criticou o presidente da CBF, Ricardo Teixeira, segundo ele "por haver mentido na comissão quando disse aos deputados que o contrato da CBF com a Ambev não significaria pagamento de comissão", mas o deputado petista reconheceu que a empresa MB Promoções "será contemplada com US$9 milhões" por haver intermediado a negociação. "Outro agravante", prossegue Pedro Celso, "é que Renato Tiraboschi, dono da MB, é amigo de Ricardo Teixeira".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.