CPI vai ouvir representantes da Nike

Os membros da CPI da CBF/Nike vão ouvir, a partir das 14h30, dois representantes da Nike. Esta será a primeira vez que a multinacional será ouvida desde que a comissão foi instalada na Câmara em outubro do ano passado. Na condição de depoentes estarão os executivos da empresa, Igor Reinaldo Ostrowisk e Amadeu Aguiar Jr.Na CPI do Futebol, no senado federal, terminou há pouco, o depoimento do ex-presidente do Conselho Deliberativo do Vasco da Gama, Antonio Gomes da Costa. Ele não soube explicar porque a Vasco Licenciamentos S/A, parceira do clube, transferiu para uma conta no exterior, do Liberal Bank, quatro parcelas, que totalizam R$ 12,55 milhões. Gomes da Costa reconheceu que o atual presidente do Vasco, o deputado Eurico Miranda (PPB-RJ) "extrapolou suas competências estatutárias", endossando cheques e autorizando as transferências para o Liberal Bank.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.