CRB perde em Maceió para o Paysandu e fica mais distante da briga pelo acesso

Cleyton marcou o único tento da partida

Estadão Conteúdo

11 de novembro de 2016 | 22h57

O CRB praticamente deu adeus à briga pelo acesso na Série B do Campeonato Brasileiro. Isso porque, nesta sexta-feira, o time perdeu para o Paysandu por 1 a 0, pela 36.ª rodada, no estádio Rei Pelé, em Maceió. Mesmo com o revés, as principais oportunidades do jogo foram do time da casa, que apostou muito nas bolas alçadas na área, mas pecou nas finalizações. Cleyton marcou o único tento da partida.

O resultado mantém o CRB com 55 pontos, enquanto que Avaí, Vasco e Bahia, todos no G4, têm 59 cada - eles ainda jogam neste sábado. Se os três vencerem, o time do técnico Mazola Júnior estará matematicamente eliminado da briga pelo acesso. Mas, ainda que o melhor cenário aconteça, o clube pode ser ultrapassado por Londrina e Ceará, que têm 54 e 53 pontos, respectivamente. Do outro lado, o Paysandu chegou aos 48.

Como já era esperado, o CRB começou o jogo em busca do primeiro gol já nos primeiros minutos. Mazola Júnior soltou um pouco mais os laterais e trabalhava principalmente com a bola aberta pelas pontas, mas tinha dificuldade para vencer a marcação do Paysandu. O adversário tentava manter a posse de bola no meio de campo para conter a pressão do time da casa, mas sem efeito.

A primeira grande oportunidade só foi aparecer aos 14 minutos de bola rolando. Welinton Júnior recebeu pela esquerda, venceu na velocidade e cruzou rasteiro na marca do pênalti. A bola passou por Zé Carlos e Roger Gaúcho, mas ninguém conseguiu completar para o fundo das redes. Pouco tempo depois a jogada se repetiu, mais uma vez sem sucesso.

Para o segundo tempo, o Paysandu voltou com a mesma postura da etapa inicial, com pelo menos 10 jogadores marcando atrás da linha da bola. A válvula de escape dos visitantes era Ricardo Capanema, que tentava organizar o contra-ataque, mas não conseguia encontrar alternativas para o passe final.

Em um dos contra-ataques, o Paysandu conseguiu um escanteio pela direita. Thiago Luis cobrou e a defesa do CRB escorou para a linha de fundo. Novamente em levantamento na grande área, a defesa alagoana afastou o perigo, desta vez para a meia lua, onde estava Cleyton. O camisa 35 dominou e mandou de longe, no cantinho do goleiro Júlio César, sem chances.

Os dois times terão uma semana para trabalhar, já que voltam a campo pela 37.ª rodada da Série B apenas no próximo dia 19, um sábado. Mais uma vez fora de casa, o Paysandu viaja até Goiânia para enfrentar o Vila Nova no estádio Onésio Brasileiro Alvarenga, às 17h30, enquanto que o CRB vai até Pelotas (RS) para enfrentar o Brasil, no estádio Bento Freitas, às 19h30.

FICHA TÉCNICA

CRB 0 x 1 PAYSANDU

CRB - Júlio César; Bocão, Flávio Boaventura, Gabriel (Neto Baiano) e Diego; Matheus Galdezani, Audálio, Róger Gaúcho (Éder Loko) e Gérson Magrão; Wellington Junior e Zé Carlos (Diego Jussani). Técnico: Mazola Júnior.

PAYSANDU - Emerson; Jhonnatan, Fernando Lombardi, Gilvan e Lucas; Augusto Recife, Ricardo Capanema, Raí (Maílson) e Cleyton (Celsinho); Tiago Luís (Ilaílson) e Leandro Cearense. Técnico: Dado Cavalcanti.

GOL - Cleyton, aos 25 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Gabriel e Roger Gaúcho (CRB); Emerson, Fernando Lombardi, Augusto Recife, Ricardo Capanema e Cleyton (Paysandu).

ÁRBITRO - Eduardo Tomaz de Aquino Valadão (GO).

RENDA E PÚBLICO - Não disponíveis.

LOCAL - Estádio Rei Pelé, em Maceió (AL).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.