CRB vence Joinville de virada e segue vivo na luta pelo acesso na Série B

O CRB segue vivo na briga pelo acesso na Série B do Campeonato Brasileiro. Neste sábado à noite, o time dirigido por Mazola Júnior conseguiu a virada em cima do Joinville e venceu por 2 a 1, no Estádio Rei Pelé, em Maceió, pela 32.ª rodada. O artilheiro Neto Baiano marcou os dois gols do time da casa, um deles de pênalti.

Estadão Conteúdo

22 Outubro 2016 | 23h21

O resultado levou o CRB aos 49 pontos, a três do Londrina, última equipe no G4, com 52 pontos - entre eles aparecem ainda o Bahia, com 50, e o Náutico, com 51. O time alagoano não vencia há quatro jogos como mandante, mas vinha de triunfo fora sobre o Vasco, por 2 a 1, em São Januário. Já o Joinville segue na zona de rebaixamento, com apenas 29 pontos, em 18.º lugar. O Oeste, primeiro clube fora do grupo da degola, tem 34, a cinco pontos dos catarinenses.

O CRB jogava bem, quando sofreu o gol adversário. O Joinville tentou uma jogada individual na entrada da grande área e Adalberto acabou fazendo a falta. Na cobrança dentro da meia-lua, Jael partiu em direção a bola e conseguiu enganar o goleiro Juliano, que correu para cobrir atrás da barreira e deixou seu canto livre. O atacante mandou lá em cima, no ângulo de Juliano.

O próprio zagueiro Adalberto tentou recolocar a igualdade no marcador, mas as duas vezes em que o zagueiro se arriscou no ataque o goleiro Jhonatan conseguiu afastar o perigo. Até que, aos 41 minutos, Roger Gaúcho tentou carregar a bola, mas Naldo cortou e ela sobrou com Neto Baiano. Aí ele se aproveitou do lance para bater firme e acertar o ângulo do Joinville. O auxiliar chegou a marcar posição irregular, mas o árbitro validou o gol, pois quem tocou na bola foi o volante do Joinville, o que não caracteriza um passe do CRB. Mas o lance gerou reclamação.

E a virada do CRB veio no segundo tempo. Logo aos três minutos, Neto Baiano invadiu a grande área e acabou tocado pelo goleiro Jhonatan. Na cobrança do pênalti, o próprio atacante ajeitou a bola e bateu forte, sem chances para o goleiro, que nem saiu na foto.

A partir daí a "bruxa" entrou em campo para atrapalhar o CRB. Primeiro foi o atacante Neto Baiano, que deixou o gramado carregado pela maca aos 18 minutos. Logo depois foi a vez do goleiro Juliano, que passou mal, com uma indisposição estomacal, teve que ser atendido e deu lugar a Bruno aos 25 minutos. Mesmo assim, o time foi perigoso nos contragolpes e se segurou bem na defesa.

Sem tempo para descansar, o CRB embarca para Goiânia na segunda-feira, já que tem confronto marcado com o Goiás na terça-feira, pela 33.ª rodada da Série B. O jogo no Estádio Serra Dourada está marcado para as 21h30. Já o Joinville recebe o Brasil de Pelotas apenas na próxima sexta-feira, na Arena Joinville, às 21h30.

FICHA TÉCNICA

CRB 2 X 1 JOINVILLE

CRB - Juliano (Bruno); Marcos Martins, Adalberto, Gabriel e Pery; Matheus Galdezani, Glaydson Almeida (Olívio), Diego e Roger Gaúcho; Luidy (Welinton Junior) e Neto Baiano (Assisinho). Técnico: Mazola Júnior.

JOINVILLE - Jhonatan; Reginaldo, Rafael Donato, Ligger e Fernandinho; Tinga, Naldo (Heliardo) e Carlos Alberto (Thomás); Erick Luis, Claudinho (Giva) e Jael. Técnico: Ramon Menezes.

GOLS - Jael, aos 16, e Neto Baiano, aos 44 minutos do primeiro tempo. Neto Baiano, aos 4 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Caio Max Augusto Vieira (RN).

CARTÕES AMARELOS - Tinga, Thomás, Jael e Erick Luis (Joinville).

RENDA E PÚBLICO - Não disponíveis.

LOCAL - Estádio Rei Pelé, em Maceió (AL).

Mais conteúdo sobre:
CRB Joinville Futebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.