Paulo Whitaker/Reuters
Paulo Whitaker/Reuters

Crianças com Síndrome de Down recebem o carinho dos jogadores da seleção

Grupo atendido pela Apae viveu dia diferente em São Paulo

Leandro Silveira, O Estado de S.Paulo

21 de março de 2017 | 22h42

A terça-feira foi um dia marcante para um grupo de crianças portadoras de Síndrome de Down, atendido pela Apae de São Paulo, que compareceu ao CT da Barra Funda. Elas puderam acompanhar de perto o treino da seleção brasileira, que esteve no local para a realização de uma atividade na sua preparação para os compromissos com Uruguai e Paraguai pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2018.

Além de assistirem o trabalho no CT são-paulino, as crianças tiveram a oportunidade de confraternizar com os jogadores da equipe dirigida por Tite, entrando no campo, brincando e tirando fotos com eles após o término da última atividade da seleção no Brasil antes do duelo com o Uruguai, em uma experiência divertida e marcante para as crianças.

As crianças também acompanharam a entrevista coletiva concedida pelo goleiro Alisson, que foi presenteado com uma camisa da campanha da Apae de São Paulo "Escolha um mundo mais inclusivo", que comemora o Dia Internacional da Síndrome de Down, celebrado nesta terça-feira.

Tudo o que sabemos sobre:
seleção brasileiraFutebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.