Criciúma ataca para poder fugir da zona de rebaixamento

Atento à ameaça de rebaixamento, situação que compartilha diretamente com outras três equipes entre as quatro últimas colocadas na classificação do Campeonato Brasileiro, o Criciúma volta a jogar em casa neste domingo, quando recebe o Goiás, a partir das 18h30, no Estádio Heriberto Hülse.

JÚLIO CASTRO, Agência Estado

14 de julho de 2013 | 08h45

O técnico Vadão já adiantou que promoverá pelo menos duas mudanças na equipe. O atacante Lins, lesionado, dará lugar para Cassiano. Na defesa, a troca é por critério técnico: Fábio Ferreira substitui Ewerton Páscoa.

Jogando em casa e precisando da vitória para fugir da zona de rebaixamento - o Criciúma está com apenas seis pontos -, Vadão quer o time atento e ao mesmo tempo agressivo. Tanto que manterá a escalação com três atacantes (Morais, Cassiano e Wellington Paulista).

No final do treino de sexta-feira, Morais chegou a ser substituído por Ivo, mas sua saída da equipe não significará ausência na partida de domingo, conforme informou o próprio técnico.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBrasileirãoCriciúma

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.