Site Crciúma
Site Crciúma

Criciúma cede empate ao Figueirense e segue na zona de rebaixamento da Série B

Time catarinense terminou na 18.ª posição com 13 pontos, contra 15 do Sampaio Corrêa, primeiro fora do descenso

Estadão Conteúdo

05 Julho 2018 | 23h10

O Criciúma perdeu a oportunidade de enfim deixar a zona de rebaixamento ao ceder o empate por 1 a 1 ao Figueirense, nesta quinta-feira, no estádio Heriberto Hülse, em Criciúma (SC), pela 14.ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B.

+ Confira a tabela da Série B do Brasileiro

Sendo assim, o time da casa terminou o dia na 18.ª posição com 13 pontos, contra 15 do Sampaio Corrêa, primeiro fora do descenso. O time maranhense, no entanto, ainda entrará em campo nesta rodada - no próximo dia 17 contra o Juventude, em São Luis. Já o Figueirense, há três jogos sem vitórias, aparece em sexto, com 22. O Coritiba, quarto, soma 23.

O duelo catarinense não começou bem para o Figueirense. Logo aos 10 minutos, o meia Pereira e o zagueiro Nogueira trombaram e o primeiro acabou saindo de campo na ambulância com suspeita de fratura no braço. Matheus Sales, ex-Palmeiras, acabou entrando em seu lugar.

Depois do susto, o Criciúma tomou conta do jogo e João Paulo por muito pouco não marcou o famoso gol que Pelé não fez. Ele arriscou o chute do meio de campo. Mas, na sequência, ele próprio abriu o placar para o time da casa. Aos 29 minutos, o meia fez fila na defesa do rival e tocou na saída do goleiro Denis.

O Figueirense buscou uma reação no fim e até chegou a marcar, mas teve o gol anulado pelo árbitro, que assinalou impedimento de Renan Mota, após desvio de Nogueira.

No segundo tempo, a equipe visitante foi para cima e promoveu uma verdadeira blitz no sistema defensivo do Criciúma. Aos 19 minutos, Nogueira recebeu dentro da área e só não marcou pois Eduardo tirou em cima da linha.

A pressão, no entanto, acabou dando resultado aos 30 minutos. Em cobrança de falta de Felipe Amorim, Nogueira, meio caído, desviou para o fundo das redes. O visitante ainda buscou a virada, mas acabou parando na marcação do time da casa.

Na próxima rodada, a 15.ª, o Figueirense enfrenta o Oeste nesta segunda-feira, às 20h30, no estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis. No próximo dia 13, uma sexta, às 20h30, o Criciúma visita o Goiás no estádio Olímpico Pedro Ludovico, em Goiânia.

FICHA TÉCNICA

CRICIÚMA 1 x 1 FIGUEIRENSE

CRICIÚMA - Luiz; Sueliton, Nino, Fábio Ferreira e Marlon; Marlon Freitas (Jean Mangabeira), Eduardo, Elvis (Alex Maranhão) e Luiz Fernando (Andrew); Vitor Feijão e João Paulo. Técnico: Mazola Júnior.

FIGUEIRENSE - Denis; Diego Renan (Felipe Amorim), Cleberson, Nogueira e Guilherme Lazaroni; Zé Antônio, Pereira (Matheus Sales), Renan Mota, Gustavo Ferrareis e João Paulo (Juninho); André Luis. Técnico: Milton Cruz.

GOLS - João Paulo, aos 29 minutos do primeiro tempo; Nogueira, aos 31 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Sueliton, Marlon, Luiz Fernando e João Paulo (Criciúma); Nogueira, Matheus Sales e Renan Mota (Figueirense).

ÁRBITRO - Vinícius Furlan (SP).

RENDA - R$ 50.930,00.

PÚBLICO - 2.528 pagantes.

LOCAL - Estádio Heriberto Hülse, em Criciúma (SC).

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.