Criciúma promete atacar o Coritiba

Mais um atacante na vaga de um volante de contenção. Essa é a fórmula encontrada pelo técnico Gilson Kleina para tornar o Criciúma mais ousado e ofensivo no jogo que realiza neste sábado, 18h, no Estádio Couto Pereira, contra o Coritiba. A intenção é surpreender o adversário com marcação forte e velocidade nos contra ataques, garantir a vitória e torcer para uma combinação de resultados que possibilite ao time disputar o Copa Sul-americana do próximo ano. Cléber Orleans, com isso, deixa a equipe e Douglas entra com a função de articular e cadenciar as jogadas de meia cancha e ataque. Saulo, o outro meia atacante, tem liberdade para se aproximar da área e executar uma de suas especialidades: chutes de meia distância. Paulo César Baier, cumprindo suspensão automática por cartões amarelos, desfalca a equipe.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.