Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Criciúma reforça o meio campo

O técnico Lori Sandri vai reforçar o meio-de-campo do Criciúma para enfrentar o Corinthians amanhã à noite, no Estádio Heriberto Hülse, em Santa Catarina, em partida válida pela 38ª rodada do campeonato brasileiro da série A. O meia campista Athos, homem de criação que não vem rendendo, perdeu a posição no coletivo de hoje para o meia Rafael, de características de marcação, para jogar ao lado de Cléber Gaúcho e Paulo César, os dois volantes da equipe. Para substituir Douglas, "prata-da-casa" que se transformou no principal jogador do time, mas que cumpre suspensão por cartões amarelos, Lori optou por Saulo, meia campista de armação, mas que terá compromissos com a marcação da meia cancha adversária. Apesar da intenção demonstrada no coletivo apronto de hoje à tarde de ocupar o meio de campo com um número maior de jogadores, Lori Sandri voltou a fazer mistérios em torno da escalação oficial da equipe, afirmando que somente vai decidir momentos antes da partida. Além do desfalque de Douglas, autor dos gols das duas últimas vitórias do Criciúma, a equipe corre o risco de ficar sem o zagueiro Duílio, que trabalhou em separado hoje, sendo substituído por Ronaldo. Sandri não descartou a possibilidade de atuar com três zagueiros. "O Corinthians joga com cinco homens naquele setor e precisamos ter cuidados especiais", despistou o técnico. "Fazer o dever de casa" é a meta do clube catarinense na noite desta quarta, depois da vitória sobre o Figueirense no último domingo. O Criciúma trabalha para somar mais dez pontos nos nove jogos que tem para disputar, sendo mais cinco em casa, para fugir da zona de rebaixamento. A exemplo da última rodada, "a torcida terá papel fundamental", na opinião do meia Saulo, cotado para entrar na equipe. "A torcida jogou junto, apoiou o time nos momentos decisivos e a vitória no clássico catarinense foi resultado disso", acrescentou Saulo. Para garantir um bom público a diretoria do clube manteve a promoção de ingressos de arquibancada a R$ 15,00 e cada torcedor tem o direito de levar um acompanhante, proporcionando um desconto de 50% no valor cobrado.

Agencia Estado,

26 de outubro de 2004 | 20h56

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.