Crise do Palmeiras preocupa Mogi Mirim

A crise que se instalou no Palmeiras após o jogo de domingo contra o União São João está deixando o técnico José Carlos Serrão preocupado. O time de Palestra Itália será o próximo adversário do Mogi Mirim, nesta quinta-feira, às 20h30, em São Paulo, em jogo adiado pela sexta rodada. Com a demissão de Estevam Soares anunciada pela diretoria alviverde, os planos de Serrão terão de ser alterados. Além disso, segundo ele é sempre mais difícil enfrentar um time grande precisando de reabilitação. "Estava montando minha equipe para enfrentar o esquema de jogo apresentado pelo Estevam Soares no jogo de domingo. Com a saída dele terei também que mudar meus planos" revela o técnico do Mogi Mirim. Para a partida de quinta-feira ele terá time completo e poderá promover a volta do zagueiro Fábio Brás, que cumpriu suspensão automática na vitória, de 2 a 0, diante da Portuguesa Santista. O bom momento vivido pelo time no Paulistão coloca o Mogi Mirim nas mesmas condições de vitória que o adversário, mesmo a partida sendo disputada na Capital.

Agencia Estado,

15 de fevereiro de 2005 | 18h41

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.