Cristiano Ronaldo reencontra vítima de tsunami de 2004

Martunis, agora com 18 anos, atua na base do Sporting

O Estado de S. Paulo

02 de setembro de 2015 | 09h34

Concentrado com o grupo da seleção de Portugal para amistoso diante da França nesta sexta-feira e compromisso pelas Eliminatórias da Eurocopa contra a Albânia na segunda, o atacante Cristiano Ronaldo viveu um momento diferente, e especial, antes do treino de terça. O craque do Real Madrid reencontrou Martunis, sobrevivente do tsunami de dezembro de 2004 na Indonésia.

À época, com sete anos, Martunis foi resgatado após vários dias da catástrofe com uma camisa da seleção de Rui Costa e sensibilizou os portugueses. O primeiro contato com Cristiano Ronaldo foi pouco depois da tragédia que vitimou 230 mil pessoas, quando o capitão Figo e os outros jogadores de Portugal, entre eles o então atacante do Manchester United, visitaram Aceh, zona devastada pelo tsunami.

Agora, aos 18 anos, com Martunis morando em Lisboa - foi contratado recentemente para fazer parte das categorias de base do Sporting - ficou mais fácil os dois conversarem pessoalmente, já que o atacante sempre fez questão de manter contrato com o indonésio. Cristiano Ronaldo, segundo relato do site da Federação Portuguesa de Futebol, quis saber detalhes da experiência de Martunis de viver em Portugal. O craque do Real Madrid já havia elogiado o gesto do Sporting em proporcionar melhores condições de vida ao sobrevivente do tsunami e de dar uma oportunidade de manter o sonho de ele se tornar jogador.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.