Cristiano Ronaldo é vítima de 'raio laser' em jogo da Liga

Na França, torcedor do Lyon direciona uma caneta com a luz no olho do jogador do Manchester United

Agências internacionais,

21 de fevereiro de 2008 | 09h52

O atacante português Cristiano Ronaldo, do Manchester United, disse ao final do jogo contra o Lyon que foi vítima de um "laser". Um torcedor teria direcionado uma caneta com uma luz laser verde nos olhos e no corpo do jogador durante o confronto pela Liga dos Campeões.   Veja também:  Manchester United empata com o Lyon por 1 a 1   Após o ocorrido, a direção do Manchester United decidiu reclamar oficialmente na Uefa, organizadora da competição. De acordo com dirigentes da equipe, Cristiano mostrou-se indisposto por causa do laser.   O técnico do Manchester United, Alex Ferguson, também reclamou. "Percebemos o laser durante o jogo e avisamos a Uefa, que está ciente do ocorrido."   Cristiano Ronaldo havia retornado ao time do Manchester depois de ficar afastado por causa de uma gripe. Para avançar na Liga, o clube inglês precisará vencer o próximo confronto, que acontecerá no dia 4 de março, no Estádio Old Trafford.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.