Alessandro Di Marco/EFE
Alessandro Di Marco/EFE

Cristiano Ronaldo faz de pênalti nos acréscimos, Juventus bate Genoa e retoma ponta no Italiano

Equipe de Turim sofre para confirmar seu favoritismo, mas consegue o resultado por 2 a 1 e ultrapassa a Inter de Milão

Redação, Estadão Conteúdo

30 de outubro de 2019 | 20h21

A Juventus sofreu muito para confirmar favoritismo nesta quarta-feira, mas venceu o Genoa por 2 a 1, em Turim, graças a um gol de pênalti marcado por Cristiano Ronaldo nos acréscimos do segundo tempo, aos 50 minutos, e retomou a liderança do Campeonato Italiano.

O resultado conquistado neste duelo válido pela 10ª rodada da competição fez a equipe alvinegra chegar aos 26 pontos e ficar um à frente da Inter de Milão, que na última terça-feira havia assumido o topo de forma provisória ao bater o Brescia, fora de casa, também pelo placar de 2 a 1.

Atuando como mandante, a Juventus abriu o placar do duelo desta quarta com um gol de Leonardo Bonucci aos 36 minutos do primeiro tempo. Já aos 40, porém, a equipe de Gênova chegou ao empate com o marfinense Christian Kouamé balançando as redes.

Na etapa final, os visitantes ficaram com um homem a menos em campo a partir dos 6 minutos, quando o meio-campista Francesco Cassata, que já tinha cartão vermelho, foi expulso ao puxar a camisa do argentino Paulo Dybala.

Apesar disso, a Juventus não conseguia encontrar o caminho do segundo gol e ainda viu o francês Adrien Rabiot, que havia entrado no lugar do alemão Sami Khedira já na etapa final, ser expulso ao levar dois cartões em um intervalo de apenas 13 minutos.

Na base do abafa, o time de Turim teve um gol de Cristiano Ronaldo anulado nos acréscimos do tempo normal, quando foi flagrado em posição de impedimento. Pouco depois, porém, o português acabou cavando um pênalti no qual foi tocado de forma sutil por Antonio Sanabria em uma disputa pela bola. A penalidade só foi confirmada após o juiz de campo recorrer à arbitragem de vídeo, em lance checado enquanto a torcida da Juventus estava em silêncio.

Na cobrança, aos 50 minutos, Ronaldo balançou as redes e marcou o seu quarto gol nesta edição do Campeonato Italiano, cuja artilharia é liderada por Ciro Immobile, da Lazio, com dez bolas na rede. E o goleador marcou por duas vezes em outro duelo desta quarta-feira, na vitória por 4 a 0 sobre o Torino, em Roma, que fez a sua equipe se garantir na quinta posição da tabela, com 18 pontos, abrindo a zona de classificação à Liga Europa na tabela. O time de Turim, com 11, é o 12º colocado.

Napoli e Atalanta empatam

Dois rivais diretos no pelotão de frente do Italiano, Napoli e Atalanta empataram por 2 a 2, em Nápoles, em outro confronto desta quarta-feira. Com gols de Nikola Maksimovic e Arek Milik, os anfitriões venciam o jogo até os 41 minutos do segundo tempo, quando Josip Ilicic marcou para o time de Bérgamo para assegurar a igualdade.

O resultado amargo fez o Napoli cair para a sexta posição, com 18 pontos, enquanto a Atalanta foi aos 21 e ocupa o terceiro lugar, agora seguida de mais de perto pela Roma. Também nesta quarta, o time da capital nacional fez bonito ao golear a Udinese por 4 a 0, fora de casa, onde marcou por três vezes na etapa final, sendo uma delas por meio do holandês Justin Kluivert, filho do ex-atacante Patrick Kluivert. O triunfo fez a Roma ficar com 19 pontos na quarta posição, enquanto o clube de Údine, com 10, é o 13º colocado.

João Pedro faz dois

Com dois marcados pelo meio-campista brasileiro João Pedro, o Cagliari superou o Bologna por 3 a 2, em casa, e passou a contabilizar 18 pontos na sétima posição, logo abaixo da zona de acesso às competições europeias.

Nos outros dois duelos disputados nesta quarta na Itália, Sampdoria e Lecce empataram por 1 a 1, em Gênova, e a Fiorentina superou o Sassuolo por 2 a 1, fora de casa, em triunfo que a levou aos 15 pontos na oitava colocação.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.