Armando Franca/AP
Armando Franca/AP

Cristiano Ronaldo fica cerca de um mês longe dos gramados

Atacante português voltou a sentir o tornozelo direito neste sábado no jogo contra a Hungria pelas Eliminatórias

EFE,

11 de outubro de 2009 | 14h51

MADRI - O atacante Cristiano Ronaldo, que no sábado deixou o jogo de Portugal diante da Hungria aos 27 minutos do primeiro tempo, ficará de três a quatro semanas longe dos gramados.

Veja também:

linkPortugal vence Hungria e segue vivo

especialMAPA - Os países que já garantiram vaga na Copa

especialELIMINATÓRIAS - Mais no canal especial

especialDê seu palpite no Bolão Vip do Limão

Neste domingo, após a vitória de sua seleção por 3 a 0 pelas Eliminatórias, ele voltou à Espanha para tratar a lesão no tornozelo direito. O português sentiu a contusão pela primeira vez no confronto do Real Madrid contra o Olympique Marseille pela Liga dos Campeões da Europa, dia 30 de setembro. O problema o impediu de enfrentar o Sevilla no fim de semana passado, pelo Campeonato Espanhol.

ELIMINATÓRIAS

Para não depender de outros resultados e garantir uma vaga na repescagem, a seleção portuguesa precisa vencer em casa na última rodada, tarefa que não deverá ser muito difícil, apesar da ausência de seu principal astro.

Com apenas um ponto conquistado em nove partidas, Malta é a lanterna do Grupo 1 das Eliminatórias Europeias. A equipe não conseguiu marcar um gol sequer e levou 22.

Já os portugueses, que têm 16 pontos, são ameaçados por Suécia (15) e Hungria (13), embora esta última tenha chances remotas, já que enfrentará a líder e classificada Dinamarca (21) fora de casa. Os suecos, por sua vez, receberão a modesta Albânia, penúltima colocada da chave, com sete pontos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.