Alberto Lingria/Reuters
Alberto Lingria/Reuters

Cristiano Ronaldo parabeniza Modric, mas desdenha de Prêmio Puskás para Salah

Astro português diz que seu gol foi mais bonito que o marcado pelo egípcio e garantiu não ter preocupação em ganhar títulos individuais

O Estado de S.Paulo

28 de setembro de 2018 | 20h29

O atacante Cristiano Ronaldo falou pela primeira vez sobre o prêmio de melhor do mundo perdido para o croata Luka Modric. O astro português parabenizou o ex-companheiro de Real Madrid, mas aproveitou para desdenhar do Prêmio Puskás dado para Mohamed Salah.

"Felicidades a Luka Modric por ganhar o troféu", disse o jogador da Juventus, durante uma transmissão ao vivo em vídeo no seu Instagram. A transmissão durou cerca de 15 minutos e chegou a ter quase 400 mil pessoas ao mesmo tempo. 

Em relação ao gol marcado por Salah, eleito pela Fifa o mais bonito da temporada, Cristiano Ronaldo disse que o seu marcado pelo Real Madrid contra a Juventus foi mais bonito. 

"Salah mereceu ganhar o prêmio Puskás. Foi um gol bonito. Mas sejamos honestos, o meu gol foi melhor", opinou o atacante, que não comentou sobre a acusação de estupro feita por uma norte-americana.  

Ele também não se manifestou sobre os motivos para ter se ausentado da festa da Fifa. Antes, a Juventus havia anunciado que ele não iria por falta de tempo. "Os prêmios são prêmios e eu tenho vários. Jogo para vencer e não para ganhar prêmios. Estou há 15 anos no mais alto nível e estou orgulhosos do que eu fiz", comentou. 

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.