Cristiano Ronaldo resolve não dar mais entrevistas

Português não falará com a imprensa até o fim da temporada

O Estado de S. Paulo

10 Março 2015 | 20h27

Cristiano Ronaldo não quer mais saber de conversar com a imprensa nesta temporada. Na saída do estádio Santiago Bernabéu, depois da derrota da derrota por 4 a 3 para o Schalke 04 que quase eliminou o Real Madrid da Liga dos Campeões (o time teria caído se tivesse sofrido mais um gol, o que quase aconteceu nos minutos finais), o atacante português disse que não falaria com nenhum jornalista até o fim da temporada.

Como ele não revelou o motivo de ter tomado essa decisão, brotam especulações nos veículos de comunicação espanhóis. A versão mais forte dá conta de que Cristiano Ronaldo ficou muito irritado com o comportamento da torcida, que vaiou muito a equipe nos minutos finais e pegou no pé de alguns jogadores - como o goleiro Casillas e o atacante Bale.

Uma imagem de tevê mostra o português, pouco antes do encerramento do jogo, balançando a cabeça e dizendo: "Vergonha, vergonha!". Imagina-se que ele se referia aos torcedores, que naquele momento vaiavam muito o time.

O português foi um dos poucos que se salvaram no Real Madrid, e fez os dois primeiros gols. No jogo de ida, na vitória por 2 a 0 na Alemanha, ele tinha feito um.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.