Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Cristóvão Borges lamenta derrota e chances perdidas pelo Fluminense

Treinador exalta o nível do jogo com o Atlético para motivar seu elenco

Agência Estado

29 de maio de 2014 | 11h17

IPATINGA - O técnico Cristóvão Borges não escondeu a chateação pela derrota do Fluminense por 2 a 0 diante do Atlético-MG, na última quarta-feira, em Ipatinga, pelo Brasileirão. Para o treinador, o time carioca merecia uma sorte melhor no confronto pelo número de oportunidades criadas. Os erros na finalização, aliás, foram o ponto mais lamentado por ele.

"O futebol não é justo. Jogamos bem, criamos chances, mas temos que ser decisivos. Temos que aproveitar as oportunidades. Se em metade das chances tivéssemos marcado, seria uma maravilha, como foi contra o São Paulo (vitória por 5 a 2). Temos que criar e marcar", afirmou.

Mesmo apontando a "injustiça" no placar, Cristóvão afirmou que o resultado é "explicável" e exaltou a qualidade técnica da partida. "O resultado é explicável. A equipe do Atlético-MG é muito boa e, em grande parte da partida, conseguiu nos controlar. Foi um jogo de alto nível. No primeiro tempo, conseguimos manter. Mas, no segundo tempo, eles fizeram gol no início e isso ajudou a equipe deles. Foi uma partida de alto nível."

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.