Nelson Perez/Divulgação
Nelson Perez/Divulgação

Cristóvão exalta vitória do Fluminense, mas lamenta lesão de atletas

Outro ponto comemorado pelo treinador é o bom funcionamento da equipe mesmo com várias adaptações

Estadão Conteúdo

26 de outubro de 2014 | 10h33

O Fluminense conseguiu uma vitória emocionante sobre o Atlético-PR no último sábado, 25. A equipe carioca vencia por 1 a 0 até os 45 minutos do segundo tempo, levou o empate, mas já na saída de bola marcou o segundo gol e selou o 2 a 1. O resultado, como não poderia deixar de ser, foi muito celebrado pelo técnico Cristóvão Borges, que só lamentou a perda de atletas por lesão durante a partida.

"O jogo foi emocionante. Futebol é bom por causa disso. O importante, para a gente, foi a vitória, uma sequência de três seguidas. Era o que desejávamos. Só assim vamos chegar. Pena foi perder jogadores contundidos. Tinha certeza. A semana foi puxada. Nós sofremos por causa disso durante o campeonato. A gente rezava para passar ileso, mas não deu. A vitória, o mais importante, conseguimos. Estamos muito felizes", declarou.

Outro ponto comemorado pelo treinador foi o bom funcionamento da equipe mesmo com várias adaptações, causadas pelos desfalques. Jean atuou na lateral direita, Chiquinho foi mais uma vez improvisado na esquerda, mas, ainda assim, o time carioca conseguiu o resultado positivo.

"Fico feliz. É uma alternativa. Nesta semana ficou claro a importância de ter opções. O Jean e o Chiquinho, mesmo sem ser da posição, estavam bem e foram mantidos. Bruno e Carlinhos, eu já conheço. E hoje (sábado) fizeram o que sabem. Queríamos fazer a equipe crescer. Precisávamos de mudanças, de atitude. Isso era importante. Voltamos a jogar bem próximo do que mostramos no começo do campeonato. É reta final, temos de embalar", comentou.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolFluminenseCristóvão Borges

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.