Nelson Perez/Divulgação
Nelson Perez/Divulgação

Cristóvão lamenta 1ª derrota, mas alivia pressão para o clássico

Técnico do Fluminense garante que resultado negativo de 2 a 1 para o Volta Redonda não aumenta responsabilidade diante do Vasco

Estadão Conteúdo

19 de fevereiro de 2015 | 09h41

O técnico Cristóvão Borges lamentou o fato de que o Fluminense perdeu os seus 100% de aproveitamento no Campeonato Carioca ao cair por 2 a 1 diante do Volta Redonda, na noite desta quarta-feira, fora de casa. O treinador, porém, não acredita que o resultado negativo tenha aumentado a responsabilidade da equipe para o clássico diante do Vasco, domingo, às 18h30, no Engenhão, pela sexta rodada da competição estadual.

"A responsabilidade é a mesma. Temos que ganhar. Nosso objetivo é chegar na frente. A responsabilidade permanece grande e vamos tentar fazer um grande jogo. Mesmo antes de começar a temporada, por tudo o que está acontecendo, mudanças, transições? Já existe uma rivalidade entre os grandes, mas a necessidade destes clubes de vencer nesse campeonato ficou ainda maior. Todos querem novas saídas, essa saída é o título", ressaltou o comandante, em entrevista coletiva.

Já ao comentar a atuação contra o Volta Redonda, Cristóvão destacou que a equipe tricolor pagou o preço pelos próprios erros que cometeu no confronto. "Derrota nunca é bom. Vínhamos de vitórias e queríamos mais uma para chegarmos no clássico com 100%. Tínhamos estudado bastante o Volta Redonda e sabíamos que, por terem jogadores rápidos, iam explorar os contra-ataques, assim como tinham feito contra o Botafogo. Enquanto não erramos, controlamos o jogo. Depois, eles trabalharam em cima dos nossos erros, da nossa saída de bola. Começamos a nos expor demais porque precisávamos buscar o resultado", analisou.

Por causa da derrota para o Volta Redonda, o Fluminense caiu da liderança para a terceira posição do Campeonato Carioca, no qual ainda pode ser ultrapassado pelo Flamengo nesta quinta-feira. Dois pontos atrás do time das Laranjeiras, a equipe rubro-negra enfrenta o Boavista, às 19h30, no Maracanã, no complemento da quinta rodada.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.