Koen Van Weel/EFE
Koen Van Weel/EFE

Cruyff volta a aparecer em público e diz: 'Vencerei o câncer'

Ídolo holandês revelou estar doente há pouco mais de um mês

Estadão Conteúdo

19 de novembro de 2015 | 18h40

Um dos maiores jogadores de todos os tempos, Johan Cruyff surpreendeu o mundo com uma triste notícia há um mês, quando revelou estar com câncer no pulmão. A grave doença, no entanto, pareceu não tirar a confiança do ex-atleta holandês, que mostrou todo otimismo para enfrentá-la nesta quinta-feira.

"O tratamento já começou e agora tenho mais forças do que antes", declarou Cruyff. "Estou bem, confiante de que tudo vai dar certo. Estou seguro de que está é uma batalha que eu vencerei."

Cruyff esteve presente na apresentação do acordo que sua fundação firmou com a Universidade Autônoma de Barcelona. O ex-jogador se mostrou bastante animado e confiante e explicou o andamento de seu tratamento de quimioterapia.

"O que estão colocando no meu corpo é como um amigo, porque é para vencer o câncer", comentou. "Com todo o afeto que recebi, é como se tivesse o dobro de forças. Quando dizem que o câncer não tem fuga, é preciso confrontá-lo da melhor maneira possível. Tenho uma equipe médica de alta qualidade."

O câncer de Cruyff pode ter sido causado pelo cigarro, já que ele era fumante até precisar passar por uma cirurgia de ponte de safena emergencial em 1991, quando era técnico do Barcelona. De lá para cá, inclusive chegou a participar de campanhas contra o tabagismo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.