Cruzeiro, aliviado, empata com Coritiba

Cruzeiro e Coritiba empataram por 2 a 2 nesta quarta-feira à noite, no Mineirão, pela 13.ª rodada do Campeonato Brasileiro. Apesar de jogar em casa, o resultado satisfez mais o time mineiro, que perdia por 2 a 1 até os 44 minutos do segundo tempo. A equipe paranaense, que começou perdendo, virou o marcador e por pouco não deixa Belo horizonte com três pontos. O empate interrompeu a reação mineira. O time da Toca da Raposa, sob o comando de Paulo César Gusmão, havia vencido os dois últimos jogos. O Cruzeiro soma agora 21 pontos e o Coritiba, 17.No ritmo do veloz lateral-direito Maurinho, o time mineiro abriu o placar logo aos três minutos. O lateral assistiu a Adriano, que, livre, fez 1 a 0. Equilibrado e bastante disposto em campo, o Cruzeiro dominou o primeiro tempo até os 30 minutos. No restante da etapa inicial, a equipe paranaense pressionou e criou oportunidades para empatar.O Coritiba manteve o ritmo após o intervalo e chegou à igualdade no marcador. O atacante Caio foi oportunista e aproveitou uma sobra de bola na área para empatar, aos 10 minutos. Aproveitando os espaços deixados pelo Cruzeiro, o time visitante virou o placar aos 26. O lateral Rafinha cobrou pênalti cometido pelo zagueiro Argel e fez 2 a 1 para o Coritiba.Quando a torcida celeste, já impaciente, cobrava da diretoria a contratação de jogadores, já no final do jogo, brilhou a estrela do artilheiro Fred. O meio-campista Diogo chutou e Fernando Vizzotto fez uma defesa parcial. Em cima da linha do gol, o atacante concluiu, empatando novamente a partida. "Se não dá na técnica, tem que ir na raça mesmo", disse, aliviado, ao final do jogo o jovem atacante Kerlon. Já pelo lado do time paranaense, o empate no final foi lamentado. "Merecíamos a vitória", avaliou Rafinha, um dos destaques da noite.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.