Cruzeiro amplia vantagem na Sul-Minas

O Cruzeiro aproveitou duas falhas individuais do Coritiba e praticamente assegurou o título da Copa Sul-Minas, ao vencer no sábado, em Curitiba (PR), a equipe do Coritiba por 2 a 0. Os gols foram marcados no segundo tempo por Jackson e Oséas e agora somente uma derrota por dois gols, no Mineirão (MG) tira o título dos mineiros.O jogo começou em ritmo lento e com muitos chutões por partes dos dois times, pois choveu fortemente até minutos antes da partida, alagou o gramado e impediu qualquer tentativa de jogadas mais técnicas.Mesmo assim o Coritiba , empurrado por 40 mil torcedores, tomou a iniciativa do jogo e assustou o goleiro Bosco por duas vezes, a primeira aos quatro minutos com Marquinhos e depois aos 22 com Mabília, com chutes passando próximos à trave.Ainda na primeira etapa, o Alviverde perdeu outra chance com Mabília, que recebeu passe na linha do pênalti e chutou para fora. No segundo tempo, o técnico Luiz Felipe Scolari, do Cruzeiro, adiantou sua equipe e a tática deu certo. Aos oito minutos Jackson avançou com a bola e chutou de fora da área. O goleiro Nei, que jogou no Corinthians e Santos, falhou e permitiu a abertura do placar.Depois do gol o time alviverde se descontrolou e partiu desordenamente ao ataque. Em nova falha individual, o meia Mabília perdeu a bola no meio de campo e permitiu a Oséas marcar o segundo gol, aos 27 minutos, com a bola passando embaixo das pernas do goleiro Nei.O Coritiba se desesperou, mas Felipão conseguiu segurar o jogo e manter a vantagem. Com isso, o Alviverde terá que vencer o Cruzeiro, no Mineirão, por 2 a 0 para trazer esse título inédito para o Estado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.