Washington Alves/Divulgação
Washington Alves/Divulgação

Cruzeiro aprova atuação em amistoso e foco vira Libertadores

Na próxima quinta-feira, o campeão brasileiro encara o Mineros

Estadão Conteúdo

13 Março 2015 | 13h25

Um dia após golear o Villa Nova por 4 a 0, em Sete Lagoas, pelo Campeonato Mineiro, o Cruzeiro voltou a campo na noite de quinta-feira e aplicou o mesmo placar diante da seleção de Ibirité, município que integra a Região Metropolitana de Belo Horizonte, em amistoso que foi disputado pelos reservas. O objetivo foi dar ritmo de jogo ao elenco, ainda mais que o Cruzeiro não tem compromisso pelo Campeonato Mineiro neste fim de semana.

"Foi bom para dar ritmo aos atletas e para dar motivação porque ficar só treinando é ruim. O atleta precisa de jogo e esses amistosos dão um ritmo melhor. Marcelo Oliveira está chamando mais atletas para alguns jogos do Campeonato Mineiro. Então, toda semana a gente faz um jogo-treino com esses jogadores para que possam ter ritmo de jogo e estarem à disposição do Marcelo Oliveira quando forem chamados", declarou Tico dos Santos, auxiliar do técnico Marcelo Oliveira.

Diante da seleção de Ibirité, Joel marcou dois gols, enquanto Neilton e Henrique Dourado fizeram os outros do Cruzeiro. E o time atuou com a seguinte formação: Rafael (Elisson); Fabiano, Grolli (Alex), Manoel e Pará(Breno Lopes); Charles, Eurico (Bruno Edgar), Riascos (Marcos Vinícius) e Judivan (Neilton) ; Joel e Henrique Dourado (Gabriel Xavier).

Artilheiro do amistoso, Joel acredita que o duelo foi importante na preparação do Cruzeiro para o seu próximo compromisso na Libertadores - o time vai enfrentar o venezuelano Mineros, na próxima quinta-feira, fora de casa, em partida válida pela terceira rodada do Grupo 3, e ainda busca a sua primeira vitória na competição.

"Foi um amistoso importante para dar ritmo de jogo para todos os jogadores. Soubemos aproveitar muito bem essa partida, criamos boas jogadas, fomos felizes nas finalizações e saímos de campo com um bom resultado. Espero continuar dando o meu melhor em todos os jogos para que o Cruzeiro consiga as vitórias", afirmou Joel.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.