Gustavo Aleixo/Cruzeiro
Gustavo Aleixo/Cruzeiro

Cruzeiro bate URT na estreia de Enderson Moreira e mantém chances de ir às semis

Time celeste se aproveita da fragilidade do rival, que perdeu quase todos os titulares durante a pandemia, e vence por 3 a 0

Redação, Estadão Conteúdo

26 de julho de 2020 | 13h20

O técnico Enderson Moreira teve uma estreia tranquila no comando do Cruzeiro. O time de Belo Horizonte se aproveitou da fragilidade da URT, que perdeu quase todos os titulares durante a pandemia, e venceu por 3 a 0 no Mineirão, neste domingo, na retomada do Campeonato Mineiro após mais de quatro meses de paralisação.

Com a vitória, o Cruzeiro chega aos 17 pontos, mas segue fora da zona de classificação para as semifinais. A equipe de Enderson Moreira está na quinta posição, atrás da Caldense, a quarta, que tem a mesma pontuação, mas um saldo de gols superior (6 a 5).

A Caldense ainda joga neste domingo, contra o Tupynambás e pode ampliar essa diferença, mas a definição ficará mesmo para a última rodada, quando os dois times se enfrentam.

O Cruzeiro já começou pressionando e não demorou para que o primeiro gol saísse. Logo aos quatro minutos, Régis levantou para a área e o zagueiro Cacá se antecipou à marcação para completar de cabeça para as redes.

Apenas quatro minutos depois, o Cruzeiro já dobrou a vantagem. Patrick Brey deixou Thiago na cara do gol e o atacante tocou na saída do goleiro para marcar o segundo.

A pressão se intensificou no início do segundo tempo e o time da casa voltou a movimentar o placar. Aos oito minutos, Stênio cruzou, o zagueiro Rodolfo tentou cortar e quase marcou gol contra, mas o goleiro Cris fez bela defesa. No rebote, Marllon tocou para o fundo do gol e fez o terceiro do Cruzeiro.

O Cruzeiro seguiu buscando o quarto gol, sabendo que o saldo pode definir a classificação, mas o ritmo diminuiu. Sem outras grandes chances até o apito final, o jogo terminou mesmo com vitória por 3 a 0.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.