Cruzeiro confia na invencibilidade sábado

Para o confronto com o Santos, sábado, o Cruzeiro confia num invejável retrospecto que mantém há quase 11 meses nos jogos disputados na capital mineira. Há 31 partidas sem perder em casa, os mineiros querem diante do atual campeão brasileiro dar uma demonstração de força. Mesmo que restem ainda 15 rodadas para o final do Campeonato Brasileiro, os cruzeirenses sabem que uma vitória convincente pode ter um efeito psicológico muito importante para a conquista do título inédito, já que os dois times estão na ponta da tabela, com 58 pontos cada. Por isso, o técnico Vanderlei Luxemburgo iniciou uma campanha para tentar, nas suas palavras, colorir a cidade de azul, chamado que vem sendo reforçado pelos atletas. ?É um jogo importante e em casa. Então nós não podemos deixar passar essa chance", observou o zagueiro Thiago, que deverá substituir Edu Dracena, suspenso pelo terceiro cartão amarelo. A última derrota cruzeirense em Belo Horizonte ocorreu no dia 20 de outubro, no clássico diante do Atlético-MG, por 2 a 1, em partida válida pelo Brasileiro de 2002. Curiosamente, sete dias antes, a equipe da Toca da Raposa havia sido goleada pelo Santos no Estádio da Pampulha por 4 a 1. Mas, desde a derrota para o Atlético, o Cruzeiro coleciona nos seus domínios 24 vitórias e sete empates. ?O nosso retrospecto este ano no Mineirão é altamente positivo. Quando temos o apoio da nossa torcida, a gente consegue fazer bons jogos e, consequentemente, as vitórias. Acho que não vai ser diferente neste sábado. Eu tenho a certeza que mais de 70 mil vão estar presentes", acredita Thiago. Ingressos - A venda antecipada de ingressos começa nesta quarta-feira. Ao todo serão disponibilizados 77.920 ingressos. O vendedor Elísio Fernandes Ribeiro, de 37 anos, disse que vai aproveitar o fato de trabalhar a dois quarteirões da sede administrativa do Cruzeiro - um dos postos de venda -, no bairro Barro Preto, região central da cidade, para garantir nesta terça-feira mesmo a sua entrada. Ribeiro, que afirmou neste Brasileiro ter comparecido a todos os jogos do time do coração disputados na capital mineira, está certo que o estádio estará lotado no sábado. ?A torcida do Cruzeiro sempre comparece quando o jogo é importante." Nesta terça-feira, Luxemburgo voltou a conclamar os torcedores. ?É importante não só o Mineirão estar lotado, é importante o Santos, quando chegar aqui, ver a cidade azul. Ver que todo mundo se envolveu com esse jogo, o mineiro que gosta de futebol", disse, desta vez, porém, admitindo que é ?impossível" o atleticano torcer para o maior rival. E como não poderia deixar de ser, os torcedores do Atlético-MG reagiram com descrença e ironia ao chamamento do técnico cruzeirense. ?Ele está equivocado. A própria estatística mostra que a cidade é preta e branca", disse o técnico em segurança do trabalho, Dircelho Soares Lopes, de 27 anos, que no sábado pretende engrossar a torcida santista no Mineirão. Pistas - O Cruzeiro treinou nesta terça-feira em dois períodos na Toca da Raposa II. Para a provável entrada do volante Maldonado - que se recuperou de uma lesão no joelho direito - no time, Luxemburgo tem três vagas no meio-campo, ocupadas atualmente por Augusto Recife, Wendell e Felipe Melo. O treinador, porém, afirmou que não tem ?pressa" para anunciar a equipe que começa jogando para não municiar o técnico Emerson Leão de informações. ?Não vou dar pistas para ele."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.