Cruzeiro conta com apoio da torcida na Libertadores

O Cruzeiro não está satisfeito com a liderança do Grupo 5 da Copa Libertadores. A equipe enfrenta o Universitario de Sucre, nesta quarta-feira, às 21h50 (de Brasília), no Mineirão, e busca mais três pontos para garantir o primeiro lugar da chave ao fim da fase de classificação. E para conseguir o objetivo, técnico e jogadores do time mineiro contam com o apoio da torcida em casa.

AE, Agencia Estado

16 de março de 2009 | 17h49

"É um jogo importante, em que a gente espera o apoio do torcedor, a vibração, a sintonia. Acho que a gente pode dar um passo importante para conseguir a primeira colocação. É importante o incentivo deles", disse o técnico Adilson Batista. "A presença e a ajuda da torcida fazem a gente se empolgar e ir para cima do adversário", completou o zagueiro Léo Fortunato.

Com sete pontos, o Cruzeiro jogou apenas uma partida no Mineirão, na estreia pela Libertadores. A torcida compareceu em bom número, e o time venceu o Estudiantes por 3 a 0. Depois, empatou com o Deportivo Quito fora de casa e derrotou o Universitario, em Sucre. Agora, encara novamente a equipe boliviana para tentar disparar na liderança, já que o Deportivo soma cinco pontos, na segunda posição.

Para o zagueiro Thiago Heleno, a presença em massa do torcida cruzeirense pode ser mais vez o diferencial para a vitória. "Eles nos ajudam indo ao estádio, lotando, incentivando nosso time o tempo todo, tendo paciência e sabendo o momento certo de apoiar e cobrar e acho que isso eles sabem fazer bem. A gente só tem que agradecer e pedir a presença de todos na quarta-feira", afirmou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.