Cruzeiro e Atlético-MG empatam: 1 a 1

O Atlético-MG confirmou a vantagem nas semifinais da Copa Sul-Minas, depois de empatar com o Cruzeiro por 1 a 1, nesta quarta-feira, em Ipatinga, na primeira partida para decidir a vaga na final. Melhor classificado que o rival na primeira fase da competição, o Alvinegro precisa de um novo empate no jogo de volta, na próxima quarta-feira, para ir à decisão. No sábado, porém, os dois times voltam a se enfrentar, só que pelo Campeonato Mineiro.O Atlético jogou com mais inteligência no primeiro tempo. Marcando bem e explorando os contra-ataques, principalmente com os lançamentos para o atacante Marques pela esquerda, o Alvinegro teve mais chances reais de gol, enquanto o Cruzeiro aparentava nervosismo e mostrava desorganização tática em campo.O gol do Atlético saiu logo aos 4 minutos de jogo. Marques driblou Marcos Paulo e cruzou na área para o meia Alexandre, que viu Guilherme sozinho, do lado direito, e deu o passe. O centroavante bateu de primeira, sem chance para Jefferson: 1 a 0. O Cruzeiro tentou reagir, mas teve poucas oportunidades de gol. A melhor delas foi um chute de fora da área de Geovanni, aos 15 minutos, bem defendido por Velloso. Aos 24, o Atlético por pouco não ampliou com o lateral Paulo César, que bateu para fora na saída do goleiro.A situação do Cruzeiro piorou aos 37 minutos, quando o técnico Luiz Felipe Scolari foi expulso, por reclamação, pelo árbitro gaúcho Carlos Eugênio Simon, com o qual ele afirma ter uma briga antiga.Na segunda etapa, mesmo sem o treinador em campo, o Cruzeiro voltou melhor, com Oséas no lugar de Marcelo Ramos. Depois de dois bons lances de Geovanni, o empate saiu aos 21 minutos. Jackson fez boa jogada pela direita e cruzou para Jorge Wagner, que chutou forte, sem defesa para Velloso. Depois do gol, o Atlético se arrumou em campo e a partida ficou equilibrada, mas o placar não se alterou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.